Lança-chamas no escapamento feito em casa

Escrito por richard rowe | Traduzido por henrique monsanto pohl
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Lança-chamas no escapamento feito em casa
Lança-chamas no escapamento (John Foxx/Stockbyte/Getty Images)

Em 1950, lança-chamas no escape era a moda entre os carros customizados, mas saiu de moda em algum momento da década de 1970. O crédito para sua ressurreição recente poderia ser atribuída à nostalgia ou a determinadas cenas de filmes de corridas de rua, mas de qualquer forma ele está de volta. Carros com injeção de combustível modernos vão exigir uma abordagem um pouco mais criativa do que os carburados da velha escola, mas os princípios básicos permanecem os mesmos.

Outras pessoas estão lendo

Lança-chamas modernos

A principal diferença entre configurações de lança-chamas modernas e carburados é a fonte de combustível. Um lança-chamas se baseia em uma fonte constante de combustível não queimado, e isso já foi feito simplesmente desligando a bobina de ignição do motor e permitindo que gases gastos passem pelo motor. Estes gases, então, são inflamados por uma vela de ignição montada no tubo do escape e UAU! ... chamas enormes.

Modernos motores com injeção de combustível são programados para parar de injetar combustível quando a ignição é cortada, por isso a antiga abordagem não vai funcionar. Fora isso, qualquer catalisador vai converter a maior parte desse combustível não queimado em outros produtos químicos, assim instalações antigas em carros modernos são duplamente condenados desde o início.

Ignição

Acionar o sistema é simples. Instale uma vela de ignição em seu escape de 10 a 15 centímetros da ponta, e acione-a com uma bobina de ignição de um 1985 Ford F-150. Conecte-o à sua bobina na de ignição do motor, e use um interruptor de três posições para alternar entre os dois circuitos.

Alimentando o fogo

Há um certo número de diferentes soluções para o problema, e todos eles envolvem injetar o combustível para dentro do tubo de escape. Uma das abordagens mais populares é a utilização de injeção de propano, que é barato e fácil de instalar. A injeção do propano requer um tanque pressurizado, um solenoide de ativação como as usadas em configurações de óxido nitroso e de uma linha de injeção. Setups de propano irão produzir uma labareda de 13 cm a 15 cm de fogo amarelo brilhante.

Se você quiser uma enorme cauda de dragão de chamas de 50 cm ou os pós-combustores azuis brilhantes dos filmes, você vai ter que injetar combustível. A maioria das pessoas usam o um grande injetor de combustível canalizado para o sistema de combustível do carro (ativados com um simples interruptor de 12 volts), que funciona bem. Tenha em mente que você vai querer injetar o combustível à frente dos silenciadores, ou corre o risco de transformá-los em uma bomba.

Cor

Uma alternativa ao uso do sistema de combustível do carro é usar um sistema dedicado à bomba de combustível a partir de seu próprio tanque, o que lhe dá a opção de variar a mistura de combustível para a produção de cores e efeitos diferentes. Por exemplo, a adição de álcool vai criar uma chama azul mais transparente, adicionando um pouco de ácido bórico irá produzir um fogo verde sobrenatural, e o material de um flare de estrada vai queimar um vermelho brilhante.

Acionando

Para acionar suas chamas, acelere o ​​motor até entre 4.000 e 7.000 RPM, e rapidamente agite o interruptor na posição "motor" para a posição "lança-chamas". Coloque o interruptor para a posição "motor" antes do carro cair abaixo de 1.000 RPM para evitar que ele morra.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível