Como lidar com as primeiras reclamações do seu filho em relação à escola

Escrito por caroline baldwin | Traduzido por laura louzada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como lidar com as primeiras reclamações do seu filho em relação à escola
As reclamações em relação à escola surgem porque o seu filho sente falta da mamãe (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

A adaptação de seu filho à pré-escola pode ser difícil. A criança pode ter dificuldade em fazer novos amigos, ficar longe dos pais ou aprender a dividir a atenção dos adultos. Saber como lidar com as primeiras queixas de seu filho em relação à escola é importante para os pais. Ouvir e reagir de forma adequada ajuda o seu filho a compreender e resolver os problemas que está enfrentando.

Outras pessoas estão lendo

Escute e faça perguntas

Quando uma criança fizer suas primeiras reclamações sobre a escola, ouça-a atentamente. Descubra por que ela está reclamando. Faça perguntas que a ajudem a entender melhor a queixa. Se a criança disser que não gosta de escola, pergunte o que a agrada e desagrada lá. Você pode fazer com que ela mude de ideia em vários tópicos que estiverem incomodando. Conhecendo-a bem, você sabe o que a perturbaria. Os pais costumam saber as tendências comportamentais de seus filhos. Por exemplo, se a criança se queixa do recreio, pode ser porque ela tem um conjunto de brinquedos em seu quintal e não está acostumada a compartilhar equipamentos no parquinho.

Converse sobre as reclamações com seu filho

Quando a criança reclama, a razão costuma ser que ela quer que alguma coisa mude. Ela talvez tenha uma solução. Pergunte ao seu filho o que ele faria diferente. Às vezes, essa é a melhor solução, mas nem sempre. Por exemplo, se ele não gosta quando uma outra criança é escolhida como líder no lugar dele, você terá de explicar que cada um tem sua vez. Compartilhar é frequentemente difícil para as crianças. No entanto, isso é essencial em uma sala de aula, pois os brinquedos pertencem a todos os alunos, o que incomoda as crianças, principalmente se essa for sua primeira tentativa de socialização. Deixe-o refletir sobre a situação e crie soluções que o ajudarão a crescer e a estabelecer expectativas realistas.

Converse com a professora

Se a reclamação persistir ou se seu filho precisar de ajuda, entre em contato com o professor. Ele pode dar mais informações que expliquem a queixa ou a situação. O professor pode dar conselhos sobre como lidar com seu filho, por ter passado pela mesma situação no passado. Durante a conversa, mantenha a mente aberta. Faça perguntas sucintas e dê o máximo de informações sobre a queixa. O trabalho em equipe melhorará a situação ou ajudará seu filho a se ajustar. Se o professor estiver ciente da queixa, ele pode ajudar a criança a sentir-se mais confortável na escola.

Continuação

Pergunte ao seu filho diariamente qual foi a melhor e a pior parte da aula. Escute as reclamações. Como as crianças são inconstantes, seus gostos e desgostos podem mudar facilmente. As queixas podem mudar a cada dia, porque ele estava cansado, com fome ou até mesmo entediado. A aula pode ter sido sobre um assunto que ele já conhece, entediando-o e originando reclamações. Analise as queixas. Se um problema específico tornar-se uma reclamação repetitiva, entre em contato com o professor novamente. Talvez seja necessário falar com o pediatra do seu filho ou com um pedagogo. Geralmente, as queixas não estão enraizados em qualquer grande problema, é só uma questão de crescer e aprender a conviver com os outros.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível