Lista de movimentos de balé

Escrito por pamela ann ludwig | Traduzido por gabriela drumond
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Lista de movimentos de balé
Bailarinas devem fazer com que até o menor movimento pareça elegante (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

O balé clássico foi desenvolvido no século XV, na Europa, nos átrios da França e da Itália. Ao longo dos séculos, os professores e coreógrafos têm padronizado os movimentos de balé para facilitar o desenvolvimento e a formação de bailarinos. Apesar de o balé clássico ser uma forma de arte exigente e complexa composta de vários passos complexos, a maioria dos movimentos comuns é de variações de algumas categorias básicas.

Outras pessoas estão lendo

Giros

O balé tem muitas formas de giros, que servem para mostrar o poder de equilíbrio do dançarino e para exibir o corpo em todos os ângulos. Bailarinos muito experientes podem executar giros com várias rotações. O aterrissar de um giro impressionante deve ser controlado e deliberado. Dançarinas avançadas executam giros em sapatilhas de ponta, o sapato de dança especializado que permite a bailarinas equilibrarem na ponta dos dedos do pé. Bailarinas podem executar mais voltas na ponta quando apoiadas por um parceiro masculino do que ao performar um solo. A capacidade de completar mais de três rotações em um turno é considerada uma façanha muito avançada. Bailarinos de nível profissional podem completar mais de sete rotações em um único giro.

Pulos e saltos

Em geral, um salto viaja, enquanto um pulo aterrissa no mesmo lugar de onde o dançarino decolou. É importante para os bailarinos dobrarem os joelhos enquanto se preparam para deixar o solo e também quando aterrissam, para atingir uma posição mais elevada no ar e para evitar lesões. O objetivo do salto ou do pulo é criar a ilusão de leveza e a ideia de que o dançarino desafiou a gravidade. Quanto mais alto o dançarino voar, mais impressionante o feito. O pouso deve ser suave e controlado, para manter a imagem de graça e facilidade.

Lista de movimentos de balé
Enquanto saltos em balé são difíceis de executar, dançarinos bem treinados fazem com que pareçam fáceis (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

Extensões

Balé requer extrema flexibilidade. Dançarinos alongam regularmente e realizam exercícios específicos para alongar os músculos e se prepararem para os movimentos e poses que exigem membros fortes, mas flexíveis. Bailarinos podem demonstrar força, equilíbrio e flexibilidade estendendo uma perna para a frente, de lado ou de trás do corpo, em uma longa linha reta. Dançarinas podem fazer isso durante um solo ou como parte de um "pas de deux", que é uma dança em dupla realizada por bailarinos homens e mulheres em papéis principais.

Lista de movimentos de balé
A extensão das costas é conhecida como "arabesque" (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

Passos de deslocamento

Muitas das etapas de transição no balé que vão unir esses outros movimentos mais impressionantes são baseadas em valsas. O momento 1-2-3 da valsa complementa a música clássica mais comumente utilizada em coreografias de balé. Outros movimentos que ligam passos maiores são "corridas de balé" e "passeios de balé", que são métodos estilizados de deslocar ou para preparar-se para um salto, mantendo a graça de uma bailarina.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível