Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas

Escrito por túlio pires bragança Google
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas
Micro-ondas, aparelho presente em 53% dos lares brasileiros (Ryan McVay/Photodisc/Getty Images)

Antes considerado um eletrodoméstico de luxo, o micro-ondas conseguiu conquistar seu lugar nos lares brasileiros. Graças à sua praticidade, o preço cada vez mais acessível e suas várias funções de descongelar, aquecer alimentos e fazer pipoca, cerca de 53% das casas do Brasil possuem um aparelho de micro-ondas. Quem sabe utilizá-lo da maneira correta acaba tendo um importante aliado na cozinha, que ajuda a economizar tempo e evitar desperdício de comida. Se você ainda tem algum receio de ter um micro-ondas em casa, conheça os principais mitos e verdades sobre ele!

Outras pessoas estão lendo

Mito: Micro-ondas causa câncer

Antigamente um dos principais medos em relação ao uso do aparelho de micro-ondas nos lares era de que ele causava câncer. Até o momento, mesmo depois de vários experimentos feitos por cientistas, nada foi provado sobre a relação do forno com a doença. Nos Estados Unidos, o FDA (Food and Drug Administration), órgão governamental que cuida da saúde e a regulamentação de remédios e alimentos no país, explica que os micro-ondas não oferecem risco à saúde humana quando são usados segundo as instruções dos fabricantes.

Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas
O micro-ondas não oferece riscos à saúde (Comstock/Comstock/Getty Images)

Verdade: Ovo cozido explode

Colocar um ovo para cozinhar em um micro-ondas realmente pode ser um perigo. Quem logo percebeu isso foi o americano Percy Spencer, quem inventou o forno micro-ondas em meados da década de 40. Devido à maneira que o ovo é formado, sua casca fechada acaba funcionando como uma panela de pressão. À medida que ele aquece, a pressão no seu interior vai aumentando até gerar uma explosão. Para evitar esse tipo de acidente, que causa uma grande sujeira e possíveis queimaduras, o ideal é furar os alimentos. Batatas e ovos, por exemplo, devem ser perfurados por um palito ou um garfo, criando assim um buraco onde o vapor possa sair.

Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas
Ovos cozidos e micro-ondas, uma combinação que não dá certo (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Mito: Cozinhar no micro-ondas não é saudável

Muita gente considera o micro-ondas um vilão da alimentação saudável, porém isso é um mito. Quando você cozinha um alimento, seja em qual aparato for, suas características e os nutrientes são modificados devido ao calor. Sendo assim, fazer uma comida no micro-ondas oferece o mesmo perigo que cozinhá-la em um forno convencional ou fritá-la em uma frigideira. Cada forma de preparar o alimento altera de uma maneira sua composição, por isso não existem maiores riscos de fazer isso no micro-ondas. Caso sua preocupação seja preservar as características naturais da comida, o mais indicado é cozinhar no vapor.

Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas
É possível fazer comidas saudáveis no micro-ondas (Visage/Stockbyte/Getty Images)

Mito: Pratos e travessas não aquecem no micro-ondas

Quando pratos ou travessas são feitos de materiais próprios para o uso no micro-ondas, não há problema. Eles apenas ficam quentes porque estão em contato direto com a comida aquecida. De qualquer maneira, para garantir a segurança, a recomendação é utilizar luvas antitérmicas para manuseá-los. O uso de recipientes de vidro ou cerâmica não é aconselhado, já que podem ser bastante perigosos. Como esse material pode atingir altas temperaturas no interior do forno, existe o risco de explosão e a recipiente quebrar em pedacinhos.

Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas
A recomendação é usar recipientes próprios para o micro-ondas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Verdade: Ferver água é perigoso

Usar o micro-ondas para ferver água pode ser bastante perigoso. Como a água não forma as bolhas características que mostram que a sua temperatura chegou a 100°C, pode ocorrer um superaquecimento. Assim, como a pessoa não percebe que a água ferveu, ela pode acabar se queimando ao tocar o recipiente que contém a água. Para evitar maiores problemas, o ideal é evitar usar vasilhas que tenham somente água como conteúdo. A dica é adicionar algum outro objeto, como uma colher de madeira, por exemplo, para ajudar a espalhar o calor que vem do micro-ondas.

Mitos e verdades sobre o uso do micro-ondas
Ferver água no aparelho pode causar acidentes (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível