Como montar um centro de treinamento profissional

Escrito por tara duggan | Traduzido por karyn meyer
Como montar um centro de treinamento profissional

Um centro de treinamento profissional pode envolver diversos tipos de atividades

Keith Brofsky/Photodisc/Getty Images

Para montar um centro de treinamento profissional em sua organização, analise as necessidades de sua empresa para fornecer suporte ao desenvolvimento das carreiras. Centros de treinamento profissional tipicamente oferecem treinamento em sala de aula, incluindo atividades práticas de laboratório, bem como provendo soluções que acompanhem o ritmo individual na aprendizagem de novas habilidades e conhecimentos. Dependendo da indústria, tais centros podem ser responsáveis também por fornecer treinamentos para certificação bem como exames de fiscalização. Tornar-se um centro de treinamentos autorizado para empresas maiores como Microsoft, HP e IBM, envolve candidatar-se a tornar-se parceiro e aderir às diretrizes para prover ofertas de cursos padronizados.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Determine as necessidades logísticas para os programas de treinamento de sua empresa. Por exemplo, se não possuir a estrutura apropriada, pode-se realizar arranjos de forma a oferecer os cursos em outros locais, como hotéis ou centros comunitários. Centros de treinamento típicos oferecem salas equipadas com mesas de reunião e cadeiras suficientes para todos os participantes. Dependendo do conteúdo do curso, computadores em rede e outros equipamentos e softwares podem ser necessários à realização das atividades. Contrate uma empresa de consultoria para fornecer a instalação e serviços de manutenção ou use sua própria equipe para cumprir estas tarefas.

  2. 2

    Identifique sua oferta típica de curso e tamanho das classes de forma que possa fornecer o nível apropriado de suporte instrucional. Programas de treinamento geralmente permitem perguntas e respostas durante as palestras bem como discussões adicionais. Deve-se ainda identificar a linguagem primária, limitações orçamentárias e horas adicionais de operação que possam impactar no tipo de instrutor que você contratará para formar a equipe de seu centro de treinamento profissional. Atividades recreacionais tais como jantares e passeios locais podem também complementar suas ofertas tradicionais de cursos.

  3. 3

    Liste os materiais necessários para cada um dos cursos que serão oferecidos, tais como livros, materiais de referência, cadernos para os alunos e outras ferramentas instrucionais tecnológicas. Providencie os recursos adicionais necessários para que os alunos completem os exercícios de laboratório dos cursos. Por exemplo, cursos projetados para preparar representantes de serviço ao consumidor para consertar impressoras, requerem os produtos em questão para o aluno usá-los em sua prática. Similarmente, se exercícios de simulação de papéis requerem materiais adicionais, tais como marcadores ou quadro flip-chart, assegure-se de que o centro de treinamento os tenha estocados para cada oferta de curso.

  4. 4

    Ajuste as salas de treinamento para que cadeiras adicionais, computadores e outros equipamentos não interfiram no fluxo dos estudantes e instrutores movendo-se pela sala durante a aula. Cabos para equipamentos devem estar garantidamente seguros. Assegure-se de que o sistema de iluminação permita o escurecimento do ambiente durante a projeção de vídeos ou slides. Preferencialmente, mantenha equipamentos reserva à mão, para o caso de ocorrerem falhas nos sistemas.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2015 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media