Nódulos linfáticos inchados em cavalos

Escrito por gia turner | Traduzido por luiz carlos de frança júnior
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Nódulos linfáticos inchados em cavalos
Gânglios linfáticos inchados podem ser um sinal de esgana, uma doença equina (horse image by Podfoto from Fotolia.com)

Os linfonodos são pequenas massas arredondadas de tecido imune localizados por todo o corpo de um cavalo que ajudam a protegê-lo de infecções e doenças. Ligados por dutos linfáticos, em todo o corpo, eles removem os antígenos do líquido linfático. O inchaço dos gânglios linfáticos pode ser um sintoma de doença.

Outras pessoas estão lendo

Significância clínica

Uma vasta gama de condições, de uma condição trivial até uma que põe a vida em risco, podem causar inflamação dos nódulos linfáticos. Observe a localização dos gânglios linfáticos inchados, verifique a temperatura do seu cavalo e observe outros sintomas anormais. Ligue para o seu veterinário para determinar o tratamento adequado.

Esgana (cinomose)

O inchaço dos gânglios linfáticos, sob a mandíbula e ao longo da garganta de seu cavalo, poderia apontar para uma doença conhecida como esgana. É uma doença infecciosa, que gera uma infecção respiratória superior contagiosa, causada pela bactéria Streptococcus equi equi. Os sintomas incluem inchaço ou abscesso nos linfonodos submandibulares, febre, corrimento nasal, tosse e depressão. Ligue para o seu veterinário imediatamente, caso seu cavalo apresente alguns destes sintomas.

Prevenção/cura

Uma vez que as causas do aumento dos nódulos linfáticos são diferentes, não existe uma solução única ou prevenção. Como sempre, mantenha o ambiente do seu cavalo limpo, a vacinação em dia e limite a exposição do seu cavalo ao estresse, isso corresponde à melhor linha de defesa contra a doença.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível