Do que o peixe-palhaço precisa em cativeiro?

Escrito por andrew jett | Traduzido por marina pastore
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Do que o peixe-palhaço precisa em cativeiro?
O peixe-palhaço é um elemento atraente de um aquário marinho (Comstock/Comstock/Getty Images)

O peixe-palhaço é dotado de uma cor chamativa e um comportamento intrigante, tornando-o um dos mais populares e visualmente atraentes entre todos os peixes marinhos de aquário. Atender as necessidades básicas de um peixe-palhaço de estimação não é difícil e vai ajudar a garantir que ele viva uma vida longa e saudável dentro do seu aquário. Seguindo cuidadosamente algumas considerações específicas para esta espécie em relação à dieta e ao habitat, você pode proporcionar um ambiente seguro e convidativo para o seu peixe de estimação.

Outras pessoas estão lendo

Habitat

Variedades pequenas e médias do peixe-palhaço precisam de um aquário de água salgada de pelo menos 75 litros. Para espécies maiores, você vai precisar de um aquário com pelo menos 110 litros. Mantenha a salinidade numa gravidade – ou densidade relativa – específica de 1,020 a 1,026 (em outras palavras, 1,02 vezes mais densa do que a água). A temperatura deve ficar entre 23 e 27 graus Celsius. Empregue um bom sistema de filtragem no seu aquário, mas substitua 15% da água duas vezes por mês para aumentar a quantidade de elementos benéficos de que o peixe-palhaço precisa, como minerais. Coloque rochas ou estruturas de coral no tanque para fornecer esconderijos para o seu peixe-palhaço, mas também garanta que o aquário tenha áreas sem obstruções em que ele possa nadar livremente.

Comida

O peixe-palhaço não é muito exigente em relação à comida. Qualquer tipo de vegetal ou carne é adequado para o seu consumo. Para melhores resultados, forneça diversos tipos de alimentos congelados, vivos e em flocos. Algumas carnes picadas em pedaços pequenos de que estes peixes gostam são camarões, minhocas, krills e flocos de espirulina. Para calcular o quanto alimentar o seu peixe-palhaço, observe-o enquanto ele come. Se você alimentar seu peixe uma vez por dia, ele deve terminar a comida em cerca de cinco minutos. Alimentá-lo duas ou três vezes por dia também é aceitável, mas reduza a quantidade de comida para o que ele conseguir consumir em três minutos.

Considerações sociais

O peixe-palhaço pode ser extremamente territorial e agressivo em relação a outros, incluindo outros peixes da mesma espécie. Se você for um iniciante no mundo dos peixes tropicais ou se tiver um tanque pequeno, é melhor manter um único peixe-palhaço ou um casal. Espécies como o peixe-palhaço Ocellaris ou o peixe-palhaço-gambá são relativamente dóceis e se adaptam facilmente a seus ambientes. A menos que você tenha experiência em manter aquários como hobby, evite espécies como o palhaço Pércula, o palhaço de banda branca, o palhaço Sebae e o palhaço selado. Estes peixes se estressam facilmente e não se adaptam com facilidade a um novo aquário.

Anêmonas

Na natureza, o peixe-palhaço tem uma relação simbiótica com anêmonas: cada uma destas criaturas marítimas traz benefícios para a outra. A vida é diferente dentro de um aquário. Um peixe-palhaço em cativeiro prontamente se adapta a um ambiente sem uma anêmona, desde que ele tenha acesso a outra estrutura. Embora as anêmonas possam acrescentar um apelo visual ao seu tanque, elas são difíceis de cuidar e potencialmente perigosas para o seus peixes. Quando morre, a anêmona libera toxinas na água que podem destruir a vida no seu aquário. A menos que você tenha muita experiência mantendo aquários como hobby, é melhor ficar longe delas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível