Peixes betta e doenças na bexiga natatória

Escrito por amy yang | Traduzido por pablo souza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Peixes betta e doenças na bexiga natatória
Os bettas com doença na bexiga natatória afundam ou boiam (profile fish image by Robert Calvillo from Fotolia.com)

A prevenção é a melhor opção em casos de doença na bexiga natatória de peixes betta. Geralmente causada por maus cuidados, a doença da bexiga natatória também é conhecida como desordem da bexiga natatória ou DBN. Apesar de a desordem não causar morte nos bettas afetados, as condições subjacentes podem levar à morte caso não sejam tratadas. Mesmo não sendo uma doença letal, os bettas sofrem do estresse gerado.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas

Os bettas afetados não conseguem nadar normalmente. De acordo com o site Betta Talk, essa doença é bem comum nos peixes que possuem entre 30 e 60 dias de idade. Eles podem boiar ou afundar no aquário. Muito esforço é requerido para que ele vá para o topo caso esteja afundando ou para que ele desça caso esteja boiando. Às vezes, os bettas até ficam de lado.

Causas

Algumas causas comuns são alimentação em excesso ou um ambiente ruim. A alimentação em excesso causa constipação, que pode levar à doença na bexiga natatória. É muito fácil alimentar um betta em excesso, pois seus estômagos, de acordo com a Velvet Dragon Bettas, são menores do que seus olhos. Um ambiente ruim previne que o sistema digestivo do betta funcione corretamente, o que pode levar à doença. Baixas temperaturas desaceleram o metabolismo dos peixes.

Tratamento

Troque a água regularmente para que sempre fique limpa. Mantenha a temperatura sempre entre 24ºC e 26ºC. Não alimente os bettas afetados por três dias e, em seguida, dê a eles uma ervilha escaldada. A ervilha ajudará a empurrar qualquer bloqueio em seu aparelho digestivo. Repita o tratamento, caso seja necessário. Medicações marcadas "para uso em DBN" não curam a desordem, mas são seguras para uso em conjunto com o tratamento. Essa medicações ajudam a prevenir infecções que podem surgir devido ao nível de estresse elevado.

Prevenção

Mantenha a porção de comida pequena. Não dê comidas em flocos ou liofilizadas, pois elas expandem em seus estômagos. Em vez disso, dê comidas granuladas ou congeladas após um degelo de qualidade. Alimente apenas com um tanto de comida que caiba no estômago dos peixes. Deixe os bettas de jejum uma vez por semana e dê ervilha escaldada para terminar o jejum. Mergulhe os granulados em água condicionada por 10 minutos antes de alimentá-los, caso seja necessário.

DBN crônica

Infelizmente, alguns betas nunca se recuperam. Em casos assim, são necessários alguns cuidados especiais. Dê a eles um lar raso, para que não tenham que fazer muito esforço para chegar à superfície. O Velvet Dragon Bettas recomenda recipientes de plástico planos de pelo menos 18,5 litros. Eles são largos e podem ser aquecidos com um aquecedor submersível indicado para a quantidade de água usada. Inclua uma ou duas plantas de seda ou de verdade com folhas largas em diferentes níveis para dar lugares para o seu beta ficar. Não o alimente em excesso.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível