Os perigos escondidos nas micro-ondas

Escrito por erik devaney | Traduzido por cesar duarte
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os perigos escondidos nas micro-ondas
As micro-ondas têm comprimentos de onda que são menores que os das ondas de rádio (micro wave oven image by mattmatt73 from Fotolia.com)

Em comparação com os fornos convencionais, os fornos de micro-ondas têm mais eficiência energética, menor consumo de tempo e, em geral, seu uso é mais seguro. Embora os fornos convencionais se baseiem em elementos de aquecimento, que tornam quentes todos os objetos no seu interior, os fornos de micro-ondas operam emitindo ondas eletromagnéticas, que incidem especificamente nas moléculas de água do interior dos alimentos. Entretanto, embora os micro-ondas sejam uma conveniência moderna comum, eles também apresentam perigos escondidos, os quais você deve ter ciência.

Outras pessoas estão lendo

A lixiviação química

Quando você cozinha alimentos no micro-ondas em recipientes de plástico ou envoltos em plástico, os produtos químicos usados pelos fabricantes nestes plásticos podem lixiviar. Como a Escola de Medicina de Harvard informa, alimentos gordurosos como queijo e carne são particularmente capazes de lixiviar o amaciante químico dietilhexil adipate do plástico no micro-ondas. Estes produtos químicos, chamados de plastificantes, podem ter o potencial de causar problemas de saúde ou mesmo câncer se ingeridos em quantidades elevadas. Entretanto, Harvard mostra que a Administração de Alimentos e Drogas norte-americana (FDA) reconhece o potencial de lixiviação e testa produtos plásticos antes de classificá-los como seguros para uso em micro-ondas. O perigo real de lixiviação vem dos produtos de plástico para micro-ondas que o FDA não considera seguros, que podem incluir recipientes de iogurte, garrafas de água e embalagens de alimentos.

Radiação

A energia que o micro-ondas libera para aquecer os alimentos é tecnicamente uma forma de radiação, pois ela consiste de ondas eletromagnéticas. Entretanto, em comparação com a radiação dos raios gama e dos raios X, a radiação das micro-ondas é consideravelmente menos energética, e é por isso que o forno de micro-ondas pode evitar que haja fuga de radiação usando painéis relativamente finos. O perigo escondido pode ocorrer se um forno de micro-ondas desenvolver uma rachadura, ou por ventura conseguir operar com sua porta aberta. Mesmo sendo raro, nestes exemplos, a radiação que vazar de um micro-ondas pode agitar as moléculas de água no interior dos corpos das pessoas em volta. De acordo com a Universidade de Wisconsin, isto pode resultar em queimadura nos olhos, pele e outros tecidos do corpo.

Explosões

Se você selar uma embalagem hermeticamente antes de aquecê-la em um micro-ondas, a pressão interna poderá causar uma explosão perigosa. Embora o vapor escape dos alimentos e dissipe durante o processo no micro-ondas, um selo hermético pode fazer com que o vapor se acumule, aumentando a pressão na tampa e nas paredes da embalagem. Embora um forno de micro-ondas seja tipicamente forte o suficiente para conter a explosão do vapor, você poderá ficar seriamente queimado se abrir a porta do forno quando a pressão escapar.

Cuidados com as crianças

O aquecimento de uma garrafa com leite ou uma mamadeira no micro-ondas pode ser potencialmente perigoso para seus filhos. Comparando-se com uma garrafa aquecida colocando-a dentro de um recipiente com água quente, se você aquecer uma garrafa no micro-ondas, terá menos controle sobre como está a temperatura do líquido interno. Embora uma garrafa possa parecer fria ao toque quando for retirada do micro-ondas, o líquido dentro pode estar escaldante.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível