on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Projetos de feira de ciências sobre decomposição das rochas

Atualizado em 21 novembro, 2016

Quando se trata de criar projetos de feiras de ciências, os alunos muitas vezes ignoram a superfície da Terra como um possível objeto de estudo, mesmo que ela englobe muitas áreas interessantes, desde recursos marinhos e terrestres até a cobertura do solo e rochas. A superfície terrestre muda diariamente, com montanhas se desintegrando em rochas e rochas erodindo até que eventualmente sejam nada mais que areia ou terra. É por isso que o planeta nunca ficará sem areia ou rochas. A decomposição das rochas é um processo sem fim, o que a torna um impressionante projeto de feira de ciências.

As rochas não permanecem sempre as mesmas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Dureza da rocha

Para entender a velocidade de decomposição das rochas, é importante determinar as propriedades físicas delas, como a dureza. As rochas se decompõem a diferentes taxas, dependendo de sua estrutura original. Algumas rochas são decompostas rapidamente porque são muito fracas. No final, a fragmentação é suficiente para ser usada como pó, mas outras rochas se fragmentam em substâncias mais arenosas, como a usada em lixas ou para fazer moedores. A dureza pode determinar de que mineral uma pedra é feita. Testar a dureza pode ajudar a identificar os minerais e a descrever como será sua decomposição.

Loading...
Qual é a dureza de cada rocha? (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Expansão

Em regiões mais frias, quando o inverno chega, o chão congela. Então, na primavera, ocorre o degelo. Frequentemente, a água penetra em certos tipos de rochas e congela, causando expansão. Quando o gelo expande, causa uma rachadura na rocha e, se essa ação ocorrer ano após ano, a rocha pode acabar se partindo completamente. É possível fazer esse experimento usando diferentes tipos de rochas. Anote o tipo e a condição delas e coloque-as em um recipiente de plástico coberto por água. Depois, coloque tudo em um congelador e espere até congelar. Após descongelar, faça anotações das rochas que mais mudaram.

O gelo pode afetar as rochas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Deterioração geral

Na natureza, rochas são continuamente maltratadas pelas condições. Elas são afetadas pela chuva, pelo vento, pelas ondas e pelo impacto de outros elementos em queda. Também podem estar sujeitas a temperaturas congelantes, calor intenso e, às vezes, pressão extrema. Todas essas coisas podem causar rachaduras, fragmentações e outras degradações. Após um tempo, elas se deterioram até chegar a um ponto de não existência como rocha, virando areia ou terra. Teste isso empilhando terra e pequenas rochas. Tire fotos das mudanças do empilhamento ao longo dos dias, semanas e até meses.

Empilhe terra para um experimento de deterioração (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Gás radônio

O radônio é um gás inerte radioativo que pode causar problemas de saúde em humanos. Ele não tem odor, gosto nem cor. É gerado a partir do decaimento do urânio que há no solo, na água e nas rochas. Ele é natural e sempre ocorreu na crosta terrestre em pequenas quantidades. Um estudo geológico seria o projeto escolhido nesse tema. Mostre diferentes tipos de solo como argila, areia e cascalho, dizendo quais são mais permeáveis ao radônio e explicando a fonte do próprio radônio. Além disso, explique quais rochas possuem mais quantidade desse elemento e como a degradação libera o radônio.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...