Quais os elementos comuns de um experimento bem planejado?

Escrito por phil whitmer | Traduzido por aline ferreira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais os elementos comuns de um experimento bem planejado?
Experimentos bem planejados são facilmente repetidos por outros indivíduos (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Um experimento bem planejado é a base do método científico. O método começa com fazer uma pergunta em forma de hipótese. A hipótese é testada em um experimento. Os dados reunidos em um experimento bem planejado e controlado são organizados para produzir uma conclusão sobre a validade da hipótese.

Outras pessoas estão lendo

Planejamento

Um experimento bem planejado é simples, fácil de se repetir, mantém um controle rígido das variáveis e é conduzido por uma pesquisa de suporte, para construir uma hipótese. Uma hipótese é uma suposição bem informada sobre a relação de causa e efeito, como "a vitamina C afeta o resfriado?". Planeje o experimento de modo objetivo, sem expectativas pré-concebidas sobre os resultados. Escolha amostras imparciais e representativas para os experimentos e para os grupos de controle. Colete e grave todos os dados obtidos.

Variáveis

Planeje um experimento para provar ou reprovar uma relação causal entre a variável independente -- a vitamina C -- e a dependente -- a condição do paciente. A primeira é um fator inicial controlado pelo cientista. O fator, ou fatores, tem diferentes níveis e valores. Por exemplo, a vitamina C pode ser administrada em várias doses. Uma medição precisa e consistente da variável independente, como a saúde do paciente, é necessária para um experimento bem sucedido.

Controle

Um elemento comum de experimentos bem planejados é o controle rígido das variáveis principais. Exclua os efeitos das variáveis externas, que não sejam independentes ou dependentes. Bons experimentos empregam os grupos de controle cegos para comparar os resultados. Dê placebo no lugar da vitamina C e verifique os resultados. Não diga aos membros do grupo de controle quem recebe o placebo. Conduza um experimento cego duplo, não informando aos administradores quem está tomando o placebo.

Outros elementos

Repita o procedimento várias vezes, como diferentes sujeitos, para demonstrar a significância estatística dos resultados e excluir acasos. Mantenha as variáveis controladas constantes por todo o experimento. Analise cuidadosamente os dados para interpretar corretamente os resultados e esboce uma conclusão para o experimento. Catalogue e controle todas as variáveis para evitar confundir e mal interpretar os efeitos. Isole e identifique a variante-chave como o fator causativo. Não conduza um experimento usando pouca amostra.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível