Mais
×

Quais são os poderes do Homem-Aranha?

Atualizado em 20 julho, 2017

Desde a sua introdução ao mundo dos quadrinhos em agosto de 1962, a popularidade do Homem-Aranha se expandiu para a televisão e para o cinema. Parte da atração do publico moderno pelo personagem é devido ao seu alter ego, Peter Parker. Sua vida como um estranho nerd do ensino médio é equilibrada pela sua transformação em um herói superpoderoso e inteligente que se balança pelos arranha-céus de Nova York procurando criminosos. Os seus poderes, apesar de algumas variações nos quadrinhos, são baseados nas habilidades de aranhas de verdade.

Stan Lee, junto com o artista Steve Ditko, apresentou o Homem-Aranha ao mundo dos quadrinhos na Amazing Fantasy nº 15 (Alberto E. Rodriguez/Getty Images Entertainment/Getty Images)

A origem do Homem-Aranha

De acordo com a história original, Peter Parker era um dos estudantes menos populares na sua escola, e seu interesse em estudar muito e ler sobre ciência não melhorava sua situação social. Ao visitar uma demonstração científica, Parker é mordido por uma aranha radioativa que fazia parte do experimento. Após receber seus poderes, Parker tenta ganhar dinheiro com eles, enfrentando lutadores e aparecendo na TV com uma fantasia colorida. Sua recusa em ajudar um policial a perseguir um criminoso fugitivo causa a morte de seu tio. Ele então aprende a lição de que "com grandes poderes vêm grandes responsabilidades".

Força de aranha

Tendo a força proporcional a de uma aranha, Parker é capaz de levantar carros e dobrar aço. Na vida real, as aranhas não são tão fortes quanto formigas ou outros insetos. Mas sua falta de massa corporal e músculos relativamente densos fazem com que as aranhas sejam muito fortes para seu tamanho. Enquanto uma aranha é capaz de levantar o seu peso e o de suas vitimas sobre uma teia, o Homem-Aranha pode carregar toneladas, tendo um corpo muito maior. Sua força também contribui com sua agilidade e habilidade de saltar facilmente de um prédio para o outro.

Sensidos de aranha

A habilidade do Homem-Aranha de pressentir o perigo a sua volta muitas vezes o salva da destruição iminente. Aranhas reais, por outro lado, têm pelos especiais no seu corpo chamados "tricobótrios". Esses pelos estão conectados ao sistema nervoso da aranha e criam uma imagem mental de tudo o que ela toca à procura de comida. Os tricobótrios também permitem que a aranha sinta se existe uma presa em potencial por perto e se ela pode ser venenosa ou comestível. De acordo com esses fatos, o Homem-Aranha pode sentir perigos como tiros e outras ameaças ambientes com tricobótrios amplificados que ele possuiria com um organismo bem maior.

Escalar e lançar teias

Os tricobótrios também iriam contribuir com a habilidade do Homem-Aranha de escalar paredes. Os pelos nas suas palmas e pés iriam se aderir em nível molecular até à superfície mais lisa, permitindo que ele escalasse obstáculos verticais com facilidade. Já em relação ao lançamento de teias, aranhas reais soltam teias duras como aço, mas com um quinto da sua densidade, sendo capaz de capturar presas difíceis e resistir a condições climáticas extremas. Os lançadores que Peter Parker cria nos quadrinhos para soltar suas teias aparentemente imitam essa habilidade em uma escala maior, embora uma aranha não precise se preocupar em esgotar suas capsulas de teia, como acontece com o super-herói.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article