×
Loading ...

Quais são as quatro fases do controle motor?

Atualizado em 19 julho, 2017

As fases do controle muscular significam muitas coisas para diferentes pessoas, de especialistas em desenvolvimento infantil a gerontologistas. Uma referência específica para as quatro fases do controle motor pende para o reino da quiropraxia esportiva, fisioterapeutas e até neurologistas. As quatro fases são mobilidade, estabilidade, mobilidade controlada e habilidade -- cada uma mais avançada do que a anterior.

As quatro fases do controle motor podem guiar um programa de fortalecimento de grupos musculares e aliviar a dor (pain ii image by Mykola Velychko from Fotolia.com)

Controle motor

O controle motor é o processo pelo qual o cérebro coordena a atividade muscular do corpo, incluindo quais músculos devem mover-se e quais devem repousar. A sua falha pode produzir resultados que vão da paralisia ao parkinsonismo. O sucesso e o fracasso também podem ser mais sutis. A postura, por exemplo, não parece ser uma atividade consciente, mas a postura correta depende do controle muscular. Um controle motor defeituoso pode significar que alguns músculos compensam outros, levando ao desleixo, dor ou fraqueza.

Loading...

As quatro fases

A primeira fase, mobilidade, significa realizar o movimento. Imagine um processo como a reabilitação de uma lesão, um ligamento do joelho rasgado, por exemplo. A primeira coisa a fazer é ganhar mobilidade, a capacidade de flexionar o joelho. A estabilidade é a segunda etapa na qual o grupo muscular, nesse exemplo, o joelho, que pode suportar o estresse sem falhar. No que diz respeito ao joelho, pode significar o suporte do peso corporal. A mobilidade controlada vem a seguir e é a capacidade de fazer o joelho funcionar como deveria, nesse caso, andar. Finalmente, na fase de habilidade, o joelho fica melhor em sua tarefa e a caminhada pode se tornar uma corrida.

Agora imagine um processo sem uma lesão. Se estiver aprendendo a fazer um arremesso de basquete livre, por exemplo, em uma fase, nossos músculos "aprendem" a lançar a bola para a rede. A medida em que se tornam mais fortes e mais estáveis, pode-se jogar a bola com mais força e mais longe. A fase três ajuda a focar o objetivo, tendo em vista que você começa a controlar os movimentos delicados que fazem a diferença entre uma meta e uma perda. Por último, a habilidade melhora e a porcentagem de sucesso aumenta.

Aprendizagem da habilidade motora

A aprendizagem da habilidade motora é um treinamento para melhorar uma tarefa, como andar de bicicleta, colher maçãs ou arremessar um dardo. Nesse sentido, treinamento pode significar a repetição do movimento. Andreas R. Luft e Manuel M. Buitrago, em seu artigo "Fase de aprendizagem da habilidade motora", declaram que estudos têm mostrado que a aprendizagem da habilidade motora, ou a memória muscular, produz alterações e é absorvida pelo cérebro, não pelos músculos.

Facilitação neuromuscular proprioceptiva

A facilitação neuromuscular proprioceptiva, FNP, é um programa de alongamento cuja finalidade é treinar grupos musculares específicos para executar sequências de movimento, aumentando a força e a flexibilidade. O fisioterapeuta Gudrun Hoelper coloca as quatro fases em prática utilizando-as para identificar e trabalhar as "desordens superficiais de mobilidade e estabilidade". Uma vez que o terapeuta identifique as etapas que precisam ser trabalhadas, cria um programa de treinamento personalizado.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...