Mais
×

Quais são os sintomas de um sensor de fluxo de massa de ar com defeito?

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Um sensor de FMA, ou fluxo de massa de ar, é um dispositivo usado para medir a densidade do ar que entra no motor. O sensor pode apresentar defeitos por vários motivos, resultando em sintomas que um operador de carro pode usar para ajudar a determinar e resolver o problema.

Um sensor de fluxo de massa de ar pode apresentar defeitos por vários motivos (yellow car, a Honda Japanese sport car model image by alma_sacra from Fotolia.com)

Sintomas

Uma luz indicadora de problemas no motor acesa é um sintoma precoce de um sensor em funcionamento fora do normal. Este mede a mistura de ar e combustível que é enviada para o motor. Uma vez que a proporção da mistura ar-combustível está fora de um certo ponto, o computador do carro aciona a luz do motor. Uma mistura ar-combustível incorreta resulta também em outros sintomas de insuficiência do fluxo de massa de ar, tais como o menor autonomia, motor com fraco desempenho, parando, batendo e tremendo.

Causas

O sensor está sujeito a fatores ambientais adversos, tais como o calor, o frio e vibrações, as quais podem danificar o elemento sensor. Vapores de gasolina, escapamento de veículos e condensação de água também podem danificar um sensor de fluxo de massa de ar e fazer-lhe apresentar defeitos.

Diagnóstico

O computador de um carro pode ser analisado ​​para ajudar a diagnosticar o sensor. Um mecânico de automóveis pode analisar um computador de carro, ou o operador do carro pode realizar um diagnóstico com um sensor de autodiagnóstico digital, que está disponível na maioria das lojas de reparação de automóveis.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article