Retenção urinária e nível elevado de enzimas no fígado de cães

Escrito por adele eliot | Traduzido por mariana munhoz
Retenção urinária e nível elevado de enzimas no fígado de cães

Nível elevado de enzimas no fígado em cães pode ser sinal de hepatite

dog image by Bobi from Fotolia.com

Retenção urinária e nível elevado de enzimas no fígado são sintomas de diversas doenças em cães. Algumas delas, como problemas dentários, são simples de se resolver. No entanto, outras possíveis causas, como doenças no fígado, podem ser fatais. Sendo assim, é importante que um diagnóstico da causa dos sintomas de seu cão seja feito o mais rápido possível para garantir que seu bichinho receba o tratamento necessário.

Outras pessoas estão lendo

Identificação

A retenção de urina ocorre quando o cão tem dificuldade em esvaziar a bexiga. Se bichinho pode fazer tentativas frequentes de urinar, mesmo que nada esteja saindo. O intestino do cão também pode se distender, como resultado da retenção de líquido que pode aparentar um ganho repentino de peso. Níveis elevados de enzimas no fígado não mais difíceis de se diagnosticar e requerem que um veterinário faça alguns exames. Os sintomas incluem perda de peso, icterícia, aumento da sede e letargia.

Significado

A retenção urinária e os níveis elevados de enzimas no fígado são sintomas de outras doenças. Ambos podem ser potencialmente severos e devem receber a atenção de um veterinário o mais rápido possível. Um cão com retenção urinária pode sentir muita dor, o que pode causar um ataque e até a morte. As enzimas no fígados podem causar danos irreparáveis a diversos órgão no corpo e criar desconforto. Quando os dois sintomas aparecem juntos, eles podem indicar a presença de uma doença avançada do fígado que deve ser tratada imediatamente.

Causas

Cada um desses sintomas podem ser causados por diversas doenças. A retenção urinária geralmente indica um bloqueio no trato urinário, um tumor ou um macucado na medula espinhal, de acordo com o site Vet Connect. Um número elevado de enzimas no fígado pode ser causado pela hepatite, que pode ser resultado de uma infecção bacteriana, do consumo de substâncias tóxicas ou, em raças como o Highland Terrier, uma predisposição genética para a doença. Os dois sintomas juntos podem ser sinal de trauma na área do abdômen, e a retenção urinária pode aparecer em estágios mais avançados da doença.

Prevenção/Solução

Na maioria dos casos, a retenção urinária pode ser resolvida quado a causa do problema é eliminada. Por exemplo, o veterinário pode inserir um cateter para empurrar bloqueios na direção da bexiga. A hepatite não pode ser curada, mas pode ser tratada e controlada com medicação e mudanças na dieta. Uma dieta de baixa proteína é recomendada para cães com hepatite, e certos suplementos, como a silibinina, podem ajudar o fígado a funcionar, de acordo com o médico veterinário Shaun Messonier.

Opinião de especialista

Dr. Fleming, da Clínica Veterinária Sherwwood, no Canadá, aponta que a retenção urinária pode ocorrer em estágios avançados de hepatite por causa dos níveis de amônia no sangue. Conforme a funcionalidade do fígado diminui, os níveis de amônia no sistema do cachorro irão aumentar e a quantidade de ureia produzida pelo cachorro iá diminuir. Isso normalmente acontece depois que 60% ou 70% do funcionamento do fígado já tenha sido perdido, no entanto, então é de máxima importância procurar um veterinário assim que você desconfiar que seu cão possa ter problemas no fígado.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media