O que significam os diferentes toques dos sinos da igreja católica?

Escrito por robyn green | Traduzido por elaine santana
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que significam os diferentes toques dos sinos da igreja católica?
Os sinos são tipicamente tocados durante a missa (Comstock/Comstock/Getty Images)

Sinos católicos têm sido tocados nas missas por pelo menos 800 anos, segundo Charles Herbermann em sua enciclopédia católica. Seus sons podem evocar fortes lembranças para muitas pessoas educadas na fé católica, pois eles estão intimamente ligados aos rituais distintos realizados durante as missas. Cada toque dos sinos denota uma parte específica da cerimônia. No entanto, existem algumas outras vezes em que eles podem ser ouvidos.

Outras pessoas estão lendo

Epiclese

Durante a missa, há pelo menos quatro vezes especiais que as sinetas são tocadas. A epiclese, no início da Missa, é quando o padre pede a Deus para transformar o vinho e o pão em sangue e corpo de Cristo. Esse é o início da Comunhão. Logo antes da epiclese, as sinetas são tocadas. As técnicas variam. Um toque será suficiente, mas às vezes podem ocorrer três toques para representar o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

Apresentação do sangue e corpo

Após essa oração, o padre apresenta o corpo de Cristo, que é a hóstia, para a congregação. Esse ato é precedido por um outro toque das sinetas. Logo após, ele apresenta o sangue. Quando ele levanta o cálice, as sinetas tocam novamente. Cabe à igreja decidir se serão um ou três toques.

O que significam os diferentes toques dos sinos da igreja católica?
O sangue de Cristo é representado pelo cálice (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

O padre aceita o sangue

O padre é o primeiro a participar do sangue. Antes dele beber, as sinetas são tocadas novamente. Esta é a quarta vez durante a missa e a parte final da cerimônia de comunhão. Depois disso, os fiéis vão participar também. Mais uma vez, a igreja pode optar por tocar a sineta uma ou três vezes.

Outros momentos em que os sinos podem tocar

Apesar dessas serem as principais razões para se tocar as sinetas, existem outros momentos em que as pessoas podem ouvi-las, como durante a bênção do Santíssimo Sacramento, que é a oração antes da Comunhão. Às vezes, as sinetas também tocarão para representar um dia santo ou para comemorar um evento importante.

Razões para tocar as sinetas

As sinetas são tocadas por várias razões. Eles servem para fazer música alegre diante do Senhor e tocam para representar a santidade dos atos das missas. Finalmente, elas anunciam os acontecimentos sobrenaturais que estão acontecendo dentro da igreja para as pessoas que estão fora. Os sinos que ficam no campanário da igreja tocam por vários motivos. Muitas vezes seles erão ouvidos quando a missa está prestes a começar ou ao comemorar um evento santo, como a Quaresma. Em um mosteiro, as sinetas tocam diariamente para chamar os monges à oração.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível