Tatuagens e símbolos de elementos japoneses

Escrito por umiko sasaki | Traduzido por luiz neves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tatuagens e símbolos de elementos japoneses
A água é um dos elementos japoneses inspirados no budismo (river image by Bartek Jurkowski from Fotolia.com)

Os símbolos japoneses, ou kanjis, têm se tornado um desenho popular para tatuagens no ocidente. Os símbolos podem ser tão simples ou decorados como desejado, sem distorcer o sentido por trás deles. A decisão de fazer uma tatuagem de símbolo elemental geralmente possui uma conexão com as crenças espirituais ou signo da pessoa. A conexão religiosa do japão com o número cinco (e aversão ao número quatro) criou cinco elementos, cada um com diferentes significados.

Outras pessoas estão lendo

O número cinco

O Japão possui uma conexão inextricável com o número cinco, com origens no budismo: os Gyodai Nyorai, ou Cinco Budas, foram introduzidos na cultura ancestral do japão, cada um com atributos conectados a um diferente elementos — terra, fogo, água, céu/ar e vácuo (ou espaço). Apesar do zodíaco ocidental apenas reconhecer a terra, o fogo, o ar e a água, o número quatro é largamente considerado azarado no japão, por causa de sua pronúncia similar ("shi", em japonês) à palavra japonesa para a morte. Essa aversão ao número quatro permeia todos os aspectos da cultura japonesa, como louças e talheres que só são vendidos em conjuntos de três ou cinco.

Fogo

O fogo é pronunciado como "ka" ou "hi" (que soa como "ri") em japonês e, assim como seu correspondente ocidental, sua cor simbólica é o vermelho. De acordo com o Goshiki ("Cinco cores primárias"), o Japão atribui essa cor e elemento a um pássaro vermelho parecido com uma fênix, e à direção sul da bússola. No japão, o kanji do fogo representa tanto a criação quanto a destruição; as pessoas que fazem uma tatuagem com o "ka" tendem a representar ação, paixão e — tal como a fênix — transformação.

Água

Diametralmente oposta ao fogo, a água é pronunciada como "mizu" ou "sui". Essa oposição é refletida no seu atributo direcional, com a água representando o norte. Dependendo da seita budista em questão, a cor atribuída à água pode ser preta ou vermelha. O kanji para "mizu", assim como a representação ocidental da água, está intimamente relacionado com emoções e intuitividade. Uma pessoa com essa tatuagem pode querer representar adaptabilidade e magnetismo.

Terra

A terra é conhecida como "tsuchi" ou "do" (pronunciada como "dô") e representa toda a matéria sólida, incluindo o corpo humano. Sua cor é o verde, e seu equivalente direcional numa bússola é o centro. O kanji desse elemento é a representação de estabilidade e resistência à mudança; uma pessoa com uma tatuagem de "tsuchi" pode querer indicar uma personalidade estável, pé no chão, ou uma profunda conexão com a natureza.

Vento

O vento, ou ar, é chamado tanto de "kaze" quanto de "fu". Assim como o "tsuchi" representa o corpo, o "kaze" representa a mente. Sua cor é o branco, e é associada com a direção leste da bússola. Fazer uma tatuagem com esse símbolo normalmente representa astúcia ou sagacidade.

Vácuo

O vácuo, ou espaço, é pronunciado como "ku", e não deve ser confundido com o princípio esotérico budista "ki" (espírito"); o "ku" representa a ausência, enquanto o "ki" indica a presença e não é um elemento. A cor atribuída ao vácuo é preta, e é associada com a direção oeste. Escolher o "ku" como uma tatuagem não significa necessariamente que você é "vazio"; sua conexão comum é com a criatividade e com um espírito inovativo.

Kane e Moku

Apesar de os elementos listados aqui serem aqueles conectados ao Japão, duas outras tatuagens de elementos existem e são populares no ocidente — o metal ("kane" ou "kin") e a madeira ("ki" ou "moku"). Existem, de fato, kanjis japoneses para representar essas duas palavras; entretanto, eles são mais associados com a religião taoísta da China e com as técnicas de artes marciais do que com os elementos japoneses.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível