Teoria do interacionismo social

Escrito por lee flamand | Traduzido por isadora f. carvalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Teoria do interacionismo social
Pessoas (people image by Einar Bog from Fotolia.com)

A teoria do interacionismo social tenta descrever a interação entre atores sociais através de cuidadosos processos subjetivos, ao contrário de outras teorias sociais que focam em macro-estruturas maiores e sistemas sociais inteiros. Teóricos desta linha estão preocupados em como a interação entre as pessoas pode criar experiências sociais significativas e os modos pelos quais estas experiências podem, por sua vez, manifestar-se em ações sociais.

Outras pessoas estão lendo

Ações sociais

Para os interacionistas sociais, as pessoas negociam o seu mundo social ao se adaptarem a diferentes situações. Estas situações largamente consideradas como sendo o resultado de ações realizadas por outras pessoas. As pessoas realizam ações intencionais com objetivos específicos e desejos no contexto de situações restritas onde elas se encontram.

Teoria do interacionismo social
Interação (walkin image by Steffi Mueller from Fotolia.com)

Interação

As interações ocorrem entre dois ou mais indivíduos, e incluem todos os tipos de linguagem, troca, confronto e ajuda. O objetivo de todas essas interações é a comunicação e a criação de significados. Através das interações, as pessoas tornam-se participantes ativas na criação de seu mundo social.

Teoria do interacionismo social
Ajuda (let me help you image by Jake Hellbach from Fotolia.com)

Símbolos

Os indivíduos interpretam ações sociais de forma simbólica de modo a dar significado as suas ações. Os significados desses símbolos são por si só um objeto de construção social; eles possuem significados apenas enquanto as pessoas concordam que eles possuem. Símbolos, portanto, têm significado somente através do acordo intersubjetivo, ou acordo entre assuntos individuais. Exemplos disso são a língua e o dinheiro.

Teoria do interacionismo social
Língua universal (money money money image by Tribalstar from Fotolia.com)

O processo social

Ao contrário do que é posto por normas e determinadas estruturas, interacionistas sociais pensam a organização social como o resultado de processos que estão sempre mudando. Interacionistas sociais acreditam que fatores sociais estão em fluxo contínuo enquanto os atores adaptam-se às mudanças nas circunstâncias e relacionamentos. Eles diferenciam-se dos funcionalistas que acreditam que as estruturas sociais tendem à estabilidade.

Teoria do interacionismo social
Mudanças (Change image by YvesBonnet from Fotolia.com)

Dramaturgia

Os interacionistas sociais observam como as pessoas ao mesmo tempo criam e representam papéis de modo a negociar a sua situação social num processo chamado dramaturgia, quase do mesmo modo que os atores representam papéis no palco. Papéis sociais são considerados um tipo de símbolo no qual os indivíduos podem atuar de acordo com sua situação. Esses papéis podem, de uma forma geral, ser improvisados com base em como cada um pensa que deve atuar em determinada situação. Portanto, indivíduos tanto representam papéis como também são responsáveis por criar os mesmo papéis para si mesmos.

Teoria do interacionismo social
Papéis sociais (Actor image by Scott Maxwell from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível