As vantagens de uma ponte de rede

Escrito por natasha gilani | Traduzido por debora cristina
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As vantagens de uma ponte de rede
Rede de computadores (computers network image by Orlando Florin Rosu from Fotolia.com)

Uma ponte de rede, ou comutador de camada 2, conecta duas redes de áreas locais (LAN - local area network) ou segmentos da mesma LAN. Uma ponte é usada para segregar dados dividindo-os em dois fluxos diferentes. Desse modo ela reduz efetivamente o tráfico por uma LAN. Uma ponte opera determinando se a entrada de dados (ou tráfego) deve ser direcionada para um endereço seguinte ou descartada. Pacotes de dados recebidos pela ponte carregam um endereço de destinação, que é lido por ela e decifrado de acordo. Os três principais tipos de pontes de rede incluem pontes locais (para conectar LANs), pontes remotas (para conectar LANs com uma rede de área ampla ou WAN - wide area network) e pontes wireless (para conectar redes remotas com LANs).

Outras pessoas estão lendo

Previne o desperdício de banda larga

Uma ponte gerencia a entrada de tráfego e reduz o desperdício de banda larga prevenindo todo fluxo desnecessário de dados entre segmentos de rede. Desta forma, ele pode efetivamente garantir o desempenho ideal em ambos os lados do segmento. Pode-se pensar na ponte como a polícia de trânsito, controlando o fluxo de dados legítimos e não permitindo que o tráfego desnecessário passe. Desperdício de banda larga cria atrasos desnecessários e diminui o desempenho da rede. Uma ponte, portanto, se comporta como um monitor de banda larga, encaminhando os dados relevantes e descartando fragmentos irrelevantes para aumentar o rendimento. Ela pode ser descrita como um firewall formatando e gerindo o tráfego.

Aumenta a extensão da rede

A ponte de rede aumenta a extensão funcional de uma rede conectando segmentos LAN individuais. As redes podem ser segmentadas e reunidas sem a necessidade de criar sub-redes IP ou usar um roteador. A ponte de rede aumenta o seu tamanho sem a necessidade de equipamentos de hardware, tais como cabos, e limitações de software como firewalls.

Liga diferentes segmentos de transmissão de rede

Uma ponte pode conectar tanto segmentos LAN semelhantes como diferentes. Ela pode conectar, por exemplo, um segmento Ethernet com um segmento Token Ring, permitindo que ambos se comportem como um só e tenham o mesmo endereço de IP. Uma ponte conecta segmentos de LAN com diferentes protocolos, um segmento LAN com a Internet e uma rede local wireless (WLAN) com um segmento LAN. A ponte é também utilizada para ligar duas LANs CSMA / CD, e uma LAN token ring com uma LAN CSMA / CD. É necessário ligar segmentos diferentes que possuam diferentes protocolos para a transmissão de dados.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível