Variedades de borboletas azuis

Escrito por williamd | Traduzido por rodrigo castilhos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Variedades de borboletas azuis
Como identificar borboletas azuis na natureza (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Azul é uma cor incomum para uma borboleta, por isso é uma experiência gratificante observar uma em estado selvagem. Borboletas azuis podem ser encontradas em várias partes do mundo. Suas cores variam do azul bem claro quase violeta a um azul escuro iridescente. Várias espécies de borboletas azuis são encontradas na América do Norte, a maioria delas agora está em risco devido à poluição e à perda de habitat.

Outras pessoas estão lendo

Borboleta Karner azul

A Lycaeides melissa samuelis é uma espécie em perigo de extinção comumente encontrada na região dos Grandes Lagos nos EUA. Alimenta-se de tremoceiros, que já cresceram abundantemente. O Indiana Dunes National Lakeshore - laboratório ao ar livre - fez uma extensa pesquisa sobre os hábitos e a vida desta pequena borboleta. A karner azul tem uma envergadura de 2,5 cm. Na parte inferior das asas há uma faixa laranjada crescente ao longo das bordas de ambas as asas, e manchas negras rodeadas de branco distribuídas nelas. Tais cores ocorrem em ambos os sexos. A parte superior do macho, no entanto, difere; é azul escuro ou prateado com bordas pretas. A fêmea é marrom acinzentado a azul no lado de cima, com faixas laranjadas crescentes no interior da borda preta. Essa borboleta prefere savanas de carvalho e sertões de pinheiros. A perda de habitat e a poluição colocaram a Karner azul na lista espécies ameaçadas em extinção.

Borboleta Lotis azul

A Lycaeides argyrognomon lotis é uma pequena borboleta, agora na listada pelo governo federal no Ato de espécies Ameaçadas dos EUA. Como a karner azul, tem uma envergadura de 2,5 cm. A parte de cima da asa é um azul-violeta, no macho com uma borda preta ornada com manchas brancas ao longo das bordas externas das asas. O lado de cima da asa da fêmea é marrom ou azul-marrom, com uma faixa de laranja em volta na borda; uma borda fina e preta; e pequenas marcas em forma de escamas ao longo das margens externas das asas. O lado de baixo é igual em ambos os sexos, um branco acinzentado com manchas pretas. Esta borboleta era encontrada em várias localidades costeiras da Califórnia, no entanto, a última identificação registrada foi em 1983. Ela pode ser agora a borboleta mais rara dos EUA. Pensa-se que a rareza desta espécie possa ser parcialmente causada pelo desaparecimento de algumas flores silvestres como o trevo Lotus corniculatus.

Borboleta mission azul

A icaricia icarioides missionensis é uma pequena borboleta com uma envergadura de quase 4 cm. A parte de cima do macho é de um prata a um azul-violeta com uma borda preta. A fêmea é marrom com pequenos traços de azul perto do corpo. Ambos os sexos têm o lado de baixo acinzentado com manchas pretas ou marrons. A mission azul é encontrada em vários lugares na Baía de São Francisco. A sobrevivência de suas larvas depende de várias espécies de tremoceiros selvagens uma vez encontrados em capoeiras ao longo da costa.

Sobrevivência das flores silvestres e borboletas

Flores silvestres como dos tremoços, trevos e de outras espécies de plantas são cruciais para as borboletas continuarem sobrevivendo. Essas plantas são introduzidas em áreas onde não se usa pesticidas, como em jardins, parques e outras áreas para atrair borboletas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível