Como amamentar um filhote de gato com uma seringa

••• John Foxx/Stockbyte/Getty Images

O melhor alimento para gatinhos recém-nascidos é o leite rico em nutrientes de sua própria mãe. Se, no entanto, a mãe morrer durante o parto, não puder amamentar ou não estiver disponível, é importante continuar a dar nutrição para os filhotes. Gatinhos muito pequenos podem ser alimentados por meio de um seringa. É importante aderir a um procedimento rigoroso para evitar machucar o filhote sem querer.

Passo 1

Escolha uma seringa do tamanho certo para garantir uma alimentação adequada. Utilize uma seringa de 3 cc para filhotes com menos de uma semana e meia, uma seringa de 6 cc para filhotes com menos de três semanas e uma de 12 cc para filhotes com mais de três semanas. Gatinhos famintos com mais de três semanas de idade podem precisar de várias seringas cheias de leite.

A seringa, o recipiente utilizado para aquecer o leite e as suas próprias mãos devem ser esterilizados antes de cada amamentação.

Passo 2

Prepare o leite. Aqueça-o de 35 a 38° C. Esquente um recipiente de leite em banho-maria, pois um micro-ondas pode aquecer o leite de forma desigual. Teste a temperatura despejando uma ou duas gotas nas costas da sua mão; o leite deve estar um pouco morno.

Passo 3

Encha a seringa toda de leite e posicione o filhote de pé (não deitado de costas) sobre uma superfície macia. Suporte o gato gentilmente com uma das mãos embaixo da barriga e coloque a seringa com a ponta levemente virada em direção ao céu de sua boca. O filhote deve chupar a ponta da seringa.

Se o gatinho não aceitar a seringa, abra sua boca gentilmente com a ponta do dedo.

Passo 4

Deixe o filhote ditar a quantidade de leite a receber. O êmbolo deve mover-se lentamente conforme o gatinho mama, com pouca ou nenhuma ajuda sua. Se o êmbolo grudar, experimente girá-lo ou remova a seringa da boca do gato antes de tentar soltá-lo.

Nunca force o leite na boca do filhote; até mesmo uma pequena quantidade pode entrar em seus pulmões e afogá-lo.

Passo 5

Pare de alimentar o filhote quando ele deixar de mamar e afastar o rosto. Se o gatinho terminar a seringa e continuar chupando, você pode reabastecer a seringa e deixá-lo comer até ficar cheio. Em seguida, faça o filhote arrotar, segurando-o sobre o seu ombro com a barriga para baixo e dando tapinhas de leve em suas costas.

Passo 6

Planeje alimentar um gato recém-nascido a cada duas horas ou duas horas e meia, dia e noite. À medida que o filhote ganhar peso, os intervalos entre cada amamentação podem aumentar gradualmente. Às quatro semanas, o filhote deve precisar de aproximadamente quatro amamentações por dia.

Mais recentes

×