Como identificar o tópico e três subtópicos em um ensaio expositivo

••• Jupiterimages/BananaStock/Getty Images

Uma das melhores maneiras de ensinar seus alunos a escrever é dar-lhes textos alheios, tanto bons como ruins. Assim, eles aprendem a partir das técnicas, dos acertos e dos erros dos outros, e acabam incorporando este aprendizado aos seus próprios textos. Como a maior parte dos estudantes do ensino superior estudam ensaios expositivos -- ou textos que procurem informar, explicar e descrever -- os professores costumam desafiar seus alunos a identificarem o tópico e os sub-tópicos de ensaios expositivos -- quer esses ensaios envolvam definições, comparações, narrativas, causa-e-efeito, processos, exemplos ou argumentação.

Passo 1

Lembre seus alunos de que a maioria dos ensaios expositivos é formada por três partes básicas: uma introdução, em que uma tese é apresentada, um desenvolvimento, com ideias que embasem a tese, e uma conclusão. Portanto, devem procurar o tópico do ensaio logo no início.

Passo 2

Diga para os seus alunos terem um lápis (não uma caneta) à mão, para que possam sublinhar palavras-chave, fazer anotações nas margens e, se necessário, apagar estas marcações.

Passo 3

Encoraje seus alunos a procurar afirmações com um foco bem definido. A frase-tópico tem de ser clara e compreensível, ao mesmo tempo que tem de requerer mais explicações por parte do autor. Estas explicações vão ser desenvolvidas nos sub-tópicos.

Passo 4

Jupiterimages/BananaStock/Getty Images

Procure afirmações declarativas fortes no texto, como "Eu não tinha ideia de como o meu noivo era patético até morarmos juntos", "Trabalhar naquela loja de roupas foi o pior emprego da minha vida" ou "Ela é, provavelmente, a pior cozinheira que eu já vi em ação". Este tipo de frase costuma ser o tópico do ensaio, então sublinhe-a (ou coloque um "T" de "tópico" junto a ela). Encontrar os sub-tópicos que embasam estas afirmações vão ajudar você a confirmar o seu palpite.

Passo 5

Procure afirmações que embasem, embelezem ou desenvolvam o tópico do ensaio. Elas são claras e diretas, mas provocam curiosidade. Se o ensaio for bem organizado, cada sub-tópico será desenvolvido em um parágrafo (embora alguns sub-tópicos mais compridos possam ser desenvolvidos ao longo de vários parágrafos).

Passo 6

Sublinhe estas afirmações e compare-as com a frase-tópica. Usando estes exemplos, alguns sub-tópicos plausíveis podem incluir: "Depois de trabalhar no jardim, meu noivo se recusou a tirar suas botas, deixando um rastro de lama pela casa toda", "Na maior parte dos dias, eu abria a loja às 7 h e 30 min, sem nem ter tempo de comer um sanduíche, e fechava só às 22 h" e "Uma vez ela começou um pequeno incêndio porque insistiu em tirar um prato quente com papel toalha em vez de uma luva apropriada".

Passo 7

Revise os sub-tópicos presumidos. Embora eles devam realçar a frase-tópico, também devem ser capazes de ser desenvolvidos de forma independente -- criando, assim, o desenvolvimento do ensaio expositivo.

Passo 8

Elimine trechos que não contribuam para o desenvolvimento do assunto, mesmo que sejam interessantes. Por exemplo, uma referência poética à cor dos olhos do noivo ou a cor do chambre preferido do cozinheiro incompetente não têm nada a ver com o assunto -- e, portanto, não configura um sub-tópico.

Passo 9

Jupiterimages/BananaStock/Getty Images

Revise o seu texto, e seus tópicos e sub-tópicos sublinhados. Juntos, eles devem ter coesão, unidade e progressão de ideias, e ajudar os alunos a apreciar um texto bem construído.

Mais recentes

×