Calendário de gravidez felina

Escrito por henrietta padgett | Traduzido por erick vasconcelos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Calendário de gravidez felina
A gravidez de gatas segue um cronograma (cat face image by Viktor Korpan from Fotolia.com)

A gestação das gatas, como a dos humanos, segue um cronograma estrito. Nesse tempo, é importante se certificar de que a gata seja nutrida adequadamente em cada estágio do desenvolvimento do filhote. Por causa disso, o dono pode querer saber como os fetos de gatinhos estão crescendo e em qual estágio se encontram. É nesse caso que é útil ter um calendário da gravidez de felinos.

Outras pessoas estão lendo

Cruzamento

Ocasionalmente (cerca de três vezes por ano), uma gata entra no cio. Esse é o momento em que ela está fértil e vai procurar um gato para cruzar.

O ciclo do cio dura cerca de uma semana e são perceptíveis aos humanos por alguns sinais. Embora haja uma pequena perda de sangue, ela não é tão notória quanto a que ocorre em cães, então esse sinal pode passar despercebido. As gatas no cio também se tornam frequentemente mais carinhosas com os donos e com frequência vão miar alto para deixar os machos da área saberem que elas estão disponíveis para cruzar.

Se uma fêmea cruza nesse momento, as chances são grandes de que ela emprenhe.

Crescimento

Depois de os óvulos fertilizados se implantarem cerca de 2 semanas após o cruzamento, os fetos começam a crescer. Eles desenvolvem os órgãos primeiro e, após cerca de um mês, eles são reconhecíveis como filhotes de gatos. Pelo restante da gestação, os fetos vão simplesmente ficar maiores e mais fortes, se tornando capazes de viver fora do útero.

A gravidez de uma gata dura cerca de 2 meses, tempo dentro do qual os fetos se tornam completamente desenvolvidos.

Mudanças na mãe

A gata passa por muitas mudanças visíveis durante a gestação. Uma das mais perceptíveis é que seus mamilos vão mudar drasticamente em cor e tamanho. Vão ficar rosados e muito maiores a partir da terceira semana de gravidez.

Como as humanas, as gatas precisam de mais descanso quando grávidas e, por isso, dormem com mais frequência. Outra similaridade à gravidez humana é que as gatas gestantes podem vomitar com maior frequência ou recusar comida por náusea.

Detecção

A gestação de gatas pode ser facilmente detectada por um veterinário. O veterinário ou técnico pode usar um aparelho de ultrassom para determinar se a gata que mostra sintomas está grávida. Esse ultrassom também permite que o veterinário conte o número de gatinhos sendo gestados. Se a gata for levada ao veterinário algumas semanas depois de ficar grávida, o veterinário pode não precisar do ultrassom e simplesmente vai sentir os filhotes através da pele da mãe.

Nascimento

Cerca de dois meses depois do cruzamento, a gata vai dar à luz. Os donos não interferem nesse processo a não ser que seja muito óbvio que algo saiu errado; caso contrário, os gatos são capazes de dar à luz independentemente.

Quando uma gata está pronta para parir, há uma liberação de líquido vermelho ou amarelo. Isso significa que o trabalho de parto começou. O nascimento do primeiro gatinho pode demorar desde alguns minutos a algumas horas. Depois disso, os outros gatinhos nascem com um intervalo de cerca de uma hora.

Depois de parir, a gata vai mastigar o cordão umbilical e começar a cuidar dos filhotes.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível