Casas coloniais do século 18

Escrito por emily pate | Traduzido por rúben carlos esteves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Casas coloniais do século 18
A maioria das casas coloniais do estilo federativo possuem clarabóias por cima da porta de entrada. (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

A variedade de estilos de casas na América colonial no ano de 1700 projetou um século mais versátil. As casas coloniais durante esse tempo refletiram os estilos das suas terras, com ajustes ou estruturas introduzidas na vida do Novo Mundo. Tal qual a mistura de etnias dos Estados Unidos, estes estilos de casas evidenciaram uma mistura das influências culturais de diferentes povos e mudaram o Novo Mundo.

Outras pessoas estão lendo

Estilo colonial francês

Se olhar para uma casa sede durante os anos de 1700, você verá um modelo perfeito de arquitetura colonial francesa. A casa é, em essência, uma casa de campo grande com dois pisos, afastada do chão, onde a casa principal era localizada. A estrutura da casa foi construída usando madeira pesada e tinha um telhado grande. As colunas de madeira sustentavam a galeria dos telhados. A cave era construída acima do chão com tijolo exterior e paredes rebocadas misturadas com musgo espanhol, pelo de animal, lama e areia. As paredes interiores eram construídas com tábuas de madeira. As portas de estilo francês e as lareiras envolventes eram proeminentes. As moradias nativas eram pequenas como versões urbanas desse estilo, com varandas pequenas em relação às da casa sede. O segundo andar funcionava como residência e o primeiro como área de negócio.

Estilo colonial Georgiano

O estilo colonial georgiano apareceu no ano de 1720 e prolongou-se até a revolução americana. O estilo foi apelidado de georgiano desde que o rei George subiu ao trono, na Inglaterra. Os elementos tradicionais ingleses mais fortes influenciaram o estilo. Isso enfatizava o espaço e o tamanho como um sinal de estatuto e bem-estar nas colónias, usando os livros de arquitetura e ilustrações como guias. A escassez de materiais e de construtores capacitados tiveram como consequência a variedade de estilos. Este estilo dominou desde o estado do Maine até ao Sul do país. As casas tinham quartos quadrados, largos com um centro onde estava localizada a escada principal. Essas casas eram definidas de acordo com as portas, os pórticos e o planejamento do piso simétrico e estético.

Estilo colonial espanhol

Nos Estados Unidos, na Espanha e no México, os colonos espanhóis construíram casas com seus próprios estilos. No sudoeste, há casas de estilo colonial espanhol do século 16 ao 19. O estilo colonial seguiu o barroco espanhol e o estilo do renascimento, definido por casas com tijolo grosso ou paredes de pedra com telhados planos e baixos de duas águas. As casas tinham janelas rebaixadas normalmente em ferro, grades trabalhadas ou persianas de interior, que imitavam as fortalezas que existiam nessa área. Nas janelas não se usava vidro e muitas casas tinham um piso plano no quintal, com o edifício principal construído na forma quadrada, retangular ou em L em volta do quintal, que tinha um jardim ou qualquer outra vegetação. Em vez de corredores interiores, tinham alpendres compridos e estreitos ou um corredor externo que ligava as portas exteriores de quarto para quarto.

Estilo federal

O arquiteto Robert Adam fez do estilo federalista o suporte principal nos primeiros anos dos Estados Unidos da América. O estilo foi influenciado pela arquitetura clássica românica. Embora o estilo ainda permanecesse, o patriotismo durante essa época fez com que a casa se denominasse "federal", embora também seja mencionado como o estilo arquitetônico de Adam. As janelas tinham pequenas vidraças e as cores principais eram o ocre, o amarelo e o branco. A tinta vermelha era utilizada no exterior, em algumas partes dos edifícios não públicos. O plano do piso era uma caixa simples com dois ou mais quartos simétricos. A porta da frente tinha pilastras ou colunas de ambos os lados e uma claraboia ou entablamento por cima. As janelas eram alinhadas de forma simétrica na horizontal e na vertical, em grupos de três, cinco ou sete. Os seus quartos eram ovais, circulares ou hexagonais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível