Como comer um peixe de água fria com bastante ômega 3

Escrito por dan taylor | Traduzido por matheus castro
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como comer um peixe de água fria com bastante ômega 3
O arenque, um peixe de água fria, é abindante em ácidos graxos de Ômega 3 (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

O Omega-3 é um ácido graxo essencial que aumenta sua capacidade de combater reações inflamatórias e coagulação sanguínea durante um longo período de tempo. Indroduzir peixes de água fria, boas fontes de ômega-3, em sua dieta pode melhorar a sua saúde e bem-estar. Embora você possa encontrar o ômega-3 em todos os peixes, os peixes de água fria, como salmão, cavala e sardinha fornecem as quantidades mais concentradas em cada porção. Então você pode querer se focar em comer esses tipos de peixe, se você está tentando aumentar seu consumo diário de ácidos graxos essenciais.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Vá ao seu peixeiro ou mercado local, e compre peixes de água fria frescos, como salmão, cavala, bacalhau, arenque ou sardinha. O salmão e o arenque contêm algumas das maiores quantidades de Omega-3 ― a 1,9 g x 93 g cozidas. Os Peixes oleosos parecem diferentes de outros peixes, pois o óleo torna a carne mais escura do que a do peixe branco.

  2. 2

    Coma o peixe rapidamente depois de comprá-lo, pois pode estragar em uma questão de dias. Isso é particularmente verdade para peixes gordos.

  3. 3

    Grelhe variedades de peixes de água fria, pois eles possuem sabor forte devido à sua pele oleosa. Grelhar ou assar o peixe pode intensificar o sabor e tornar o gosto da carne muito estranho.

  4. 4

    Coma apenas uma porção ― cerca de 155 g ― de peixes de água fria por semana, pois peixes oleosos são particularmente vulneráveis a absorção de substâncias tóxicas como o mercúrio. Mulheres grávidas que estão amamentando e crianças devem evitar comer peixes oleosos e limitar a ingestão de peixes que não ricos em mercúrio ― como enlatados, criados em fazenda e peixes brancos ― para 378 g por semana.

Dicas & Advertências

  • Crie uma dieta equilibrada para que você não dependa apenas de peixe para seus nutrientes. Você precisará conseguirr outras vitaminas e minerais essenciais de outros modos, comendo muitas frutas e verduras, bebendo leite com baixo teor de gordura e consumindo outros alimentos saudáveis.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível