×
Loading ...

Como a comunicação pode às vezes ser mal interpretada

Atualizado em 17 abril, 2017

A má interpretação da comunicação pode ter consequências terríveis. Pessoas que interpretam mal uma conversa queimam pontes, ofendem seus superiores e fazem inimigos, tudo isso com a mais positiva das intenções. Agravando o problema está o fato de que comunicações são complexas. As pessoas podem muitas vezes dar sinais verbais e não-verbais aparentemente contraditórios que confundem o significado pretendido. Há muitas formas da comunicação verbal e não-verbal ser mal interpretada, a maioria tendo a ver com ambiguidade, diferenças culturais e mensagens contraditórias.

A má interpretação pode levar a um confronto (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Ambiguidade

Palavras ambíguas são umas das maiores fontes de má interpretação em comunicações verbais. Palavras que têm mais de um sentido causam más interpretações se usadas no contexto errado. Por exemplo, quando dita em voz alta, a frase "ele ganha muito" pode significar que uma pessoa ganha muito alguma coisa (como jogos) ou recebe muito dinheiro. As interpretações vem do fato de que a palavra "ganhar" pode significar receber (algo que lhe é ofertado, merecido) ou conquistar (uma vitória, por exemplo). Más interpretações verbais como essas podem ser agravadas por linguagem vaga e imprecisa.

Loading...

Diferenças culturais

As diferenças culturais podem contribuir para a má interpretação em comunicações verbais e não-verbais. Em comunicação verbal, as diferenças culturais podem contribuir para a má interpretação de palavras. Por exemplo, a palavra "Jihad" geralmente é traduzida como "guerra santa", mas em árabe é mais semelhante ao significado de "lutar", militarmente ou espiritualmente. Na comunicação não-verbal, as diferenças no significado de gestos também podem contribuir para a má interpretação. Por exemplo, na cultura ocidental, colocar a cabeça para baixo é um sinal de baixa autoconfiança, mas na cultura japonesa é um sinal de respeito.

Mensagens contraditórias

Às vezes, o significado de uma palavra parece claro mas é desmentido pela linguagem corporal que envia outra mensagem. Por exemplo, quando uma pessoa diz "Eu gostaria de encontrá-lo de novo" enquanto está de braços cruzados e evitando olhar nos olhos, pode ser difícil para o interlocutor daquela pessoa determinar se ela está sendo sincera. Outras vezes, sinais não-verbais parecem contradizer uns aos outros. Por exemplo, braços cruzados (sugerindo defensividade) e um sorriso carinhoso (sugerindo abertura).

Constrangimento social

Às vezes, as pessoas simplesmente ficam constrangidas para passar sua mensagem. Quando as pessoas falam de forma monótona e sem tom ou linguagem corporal, pode ser difícil determinar qualquer mensagem em sua comunicação. Quando a pessoa tem uma severa ansiedade social, às vezes falam muito baixo para serem ouvidas. Pessoas com Síndrome de Asperger geralmente têm dificuldade em mandar a mensagem intencionada com comunicação verbal e não-verbal e por causa disso são muito difíceis de serem lidas.

Conflitos

Quando as pessoas estão na defensiva em uma situação social, podem ficar atentos demais e à procura por insultos e deslizes. Por exemplo, se uma pessoa soube que outra pessoa não pensa bem dela, ela pode ler demais na linguagem corporal neutra e tirar conclusões sobre significados escondidos por trás de comunicações neutras. Duas pessoas de lados opostos de um conflito (por exemplo, amigos mútuos de qualquer parte de um processo) podem interpretar sinais hostis um do outro quando nenhum foi intencionado, devido a ambos estarem na defensiva e à procura por mensagens negativas.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...