Mais
×

Como curar a timidez amorosa

Atualizada November 21, 2016

A timidez amorosa é uma fobia social relacionada ao sexo e ao romance. Geralmente, ela pode ser originada na infância e é muito encontrada naqueles que sofrem de autismo ou síndrome de Asperger. Os sintomas incluem nervosismo extremo e ansiedade quando o sofredor da fobia fica perto de pessoas do sexo da preferência dele. Embora a timidez amorosa possa estar presente em qualquer pessoa, os homens heterossexuais experimentam a fobia em sua forma mais nociva. De acordo com o Dr. Brian G. Gilmartin, a timidez amorosa afeta 1,5% dos homens heterossexuais estadunidenses.

Instruções

Homens heterossexuais que sofrem de timidez amorosa querem e esperam que as mulheres deem o primeiro passo (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)
  1. Assuma a responsabilidade por sua condição. Não culpe seus parentes, sua incapacidade, o mundo ou as mulheres. Assuma, a partir deste instante, que você será o único responsável por sua vida, romântica ou não romântica.

  2. Pesquise sobre a timidez amorosa. Aceite que ela é uma condição real, grave e duradoura, e não é uma ferida que vai curar-se naturalmente se você se concentrar em outros aspectos da vida. Faça um compromisso com você mesmo de trabalhar em sua fobia.

  3. Entre para um grupo de apoio on-line. Escute as experiências de outras pessoas e aprenda o máximo possível com elas.

  4. Encontre um terapeuta que acredite que a timidez amorosa é uma desordem por si só e não parte de uma desordem de ansiedade social. Procure um terapeuta do sexo oposto e certifique-se de sentir-se confortável na presença dele.

  5. Se você já tiver feito isso, diagnostique condições relacionadas, como depressão ou Asperger. Trate essas desordens com seu terapeuta também, e considere o uso de medicamentos para os casos mais severos.

bibliography-icon icon for annotation tool Cite this Article