Depressão causada por hipotireoidismo

Escrito por nacie carson | Traduzido por bruno laget
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Depressão causada por hipotireoidismo
A depressão é um sintoma comum do hipotireoidismo. (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

Hipotireoidismo é um distúrbio endócrino que ocorre quando a glândula tireóide, localizada logo abaixo da laringe, deixa de produzir hormônios suficientes. A tireóide é responsável pela regulação da produção de hormônios e proteínas, bem como pelo metabolismo de todo o corpo. Quando a atividade da tireóide decai, o mesmo acontece com uma ampla gama de outras funções do corpo, causando efeitos secundários. Um efeito colateral comum do hipotireoidismo é a depressão.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas de hipotireoidismo

A melhor maneira de observar os efeitos de longo alcance da glândula tireóide é listar a variedade de sintomas associados com hipotireoidismo. Os sintomas típicos de uma hipoatividade da tireóide incluem fadiga persistente, ganho de peso, pele e cabelos secos, diminuição da libido, intolerância ao frio, padrões de fala mais lentos, diminuição do ritmo cardíaco, constipação, complicações digestivas e depressão.

Significância

A razão hipotireoidismo afetar tantos aspectos diferentes do corpo é que os principais hormônios da tireóide, T3 e T4, basicamente controlam a velocidade em que o corpo está funcionando e consumindo recursos. Quando a tireóide está funcionando em um ritmo normal, todos os sistemas do corpo estão produzindo em um ritmo moderado, o que mantém os padrões de sono, a forma como o corpo metaboliza o alimento, a sua capacidade de manter o peso, e sua capacidade de regular emoções em ordem. No entanto, quando a função da tireóide é diminuída, todos esses sistemas desaceleram, incluindo a produção de substâncias químicas no cérebro, como a serotonina, que mantém o seu humor bem.

Serotonina e Dopamina

A serotonina é um neurotransmissor que é produzido pelo cérebro para ajudar a regular o humor, juntamente com a dopamina, um outro produto químico do cérebro que eleva o humor. Eles são responsáveis ​​por manter as pessoas em um estado de espírito positivo e fora de depressão. No entanto, o hipotiroidismo diminui a produção de serotonina e dopamina no cérebro, devido a uma deficiência de proteínas e aminoácidos essenciais. O resultado é humor deprimido, que se manifesta como tristeza persistente, ansiedade, irritabilidade e desinteresse nas atividades diárias.

Tratamento

A depressão causada por hipotireoidismo, muitas vezes, é eficazmente tratada quando a condição da tireóide é recuperada. A forma mais comum de tratar o hipotireoidismo é através de prescrição do hormônio sintético da tireóide, que pode ser tomado em uma base diária para complementar ou substituir a produção em atraso dos hormônios da tireóide. Hormônios sintéticos são muito bem sucedidos na cura de todos os sintomas de uma doença da tireóide, incluindo a depressão.

Terapias alternativas

No entanto, se a falta de produção da tiróide não é grave o suficiente para justificar a reposição hormonal sintética, a leve depressão causada pela condição pode ser tratada através de vários métodos alternativos. Erva de São João tem se mostrado um complemento eficaz para corrigir o humor deprimido, assim como o exercício diário regular. Tanto a erva quanto o exercício estimulam a produção de serotonina e dopamina no cérebro, proporcionando impulsos naturais para humor deprimido.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível