Conhecimento

Quem descobriu os três tipos de cone na retina?

Escrito por jennifer sobek | Traduzido por gabriela vilas boas ornelas
Quem descobriu os três tipos de cone na retina?

O olho humano é um órgão complexo, composto por várias estruturas, incluindo a retina

Goodshoot RF/Goodshoot/Getty Images

Em 1790, Thomas Young e Hermann Ludwig Ferdinand von Helmholtz foram creditados como sendo os primeiros a sugerir como o olho humano reconhece cor. A teoria tricromática de Young-Helmholtz afirma que existem três tipos de cones na retina e cada uma reconhece uma cor diferente - vermelho, verde ou azul.

Cones

Os cones são um dos dois tipos de fotorreceptores do olho humano. Há cerca de 6-7.000.000 cones responsáveis pela resposta de cor do olho. Eles encontram-se principalmente na fóvea (localizado no centro da retina), que é uma haste livre de 0,3 milímetros de área que contém cerca de 30.000 cones muito finos agrupados muito próximos.

Cones vermelhos

Os cones vermelhos compõem a maior parte dos cones da retina. Sendo 64 por cento do total, eles absorvem a luz de comprimentos de onda longos. Estes comprimentos fazem parte da parcela visível do espectro de luz, que tem cerca de 400 a 700 nanômetros de comprimento.

Cones verdes

Os cones verdes compõem cerca de 32 por cento do número total de cones da retina. Eles absorvem a luz de comprimento de onda médio. De acordo com a Universidade Estadual da Geórgia, as experiências resultaram em uma curva de resposta particular. Os cones verdes respondem a comprimentos de onda de cerca de 535 nanômetros de comprimento.

Cones azuis

Os cones azuis representam apenas 2 por cento do número total de cones da retina. Eles respondem a comprimentos de onda curtos, de cerca de 445 nanômetros. São encontrados fora da fóvea e são mais sensíveis à luz do que os cones vermelhos e verdes. Como a percepção de objetos azuis brilhantes é menos distinta do que a percepção de objetos vermelhos e verdes, isto deve-se a duas razões, de acordo com a Universidade Estadual da Geórgia. Em primeiro lugar, os cones azuis estão fora da fóvea, fornecendo melhor acuidade visual. Em segundo lugar, o índice de refração é diferente para a luz azul, o qual fica um pouco fora de foco quando vermelho e verde estão em foco.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media