Como disciplinar uma criança de um ano que bate ou arranha as outras

Escrito por mike mann | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como disciplinar uma criança de um ano que bate ou arranha as outras
A paciência, junto do amor e orientação, pode reforçar o bom comportamento em crianças pequenas (PhotoObjects.net/PhotoObjects.net/Getty Images)

Criar uma criança é algo que gera muita alegria e felicidade, mas os pais também podem sentir-se confusos e frustrados quando seu filho apresenta comportamentos muito negativos, como bater ou arranhar. Muitas vezes, um pai tende a se perguntar o que fez de errado na criação da criança, principalmente se o comportamento acontece muito cedo. Após observar mais de perto, os pais frequentemente percebem que não são a causa do problema e, com a abordagem adequada, devem ser capazes de corrigir esses comportamentos.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Entenda que crianças com cerca de um ano de idade possuem meios limitados de expressar suas necessidades ou sentimentos, como fome, frustração, tédio, sono ou mal-estar. Uma criança dessa idade experimentará vários meios diferentes de chamar a atenção para ver o que funciona. Ela pode arranhar ou bater nos pais, na babá, ou atacar os irmãos ou outras crianças. É importante não levar essas ações para o lado pessoal, mas estar preparado para ajudar a criança a superar esses tipos de reações negativas.

  2. 2

    Entenda que a criança pode estar experimentando relações de causa e efeito. Esteja ciente de como você reage quando sua criança lhe bate, belisca ou arranha. Segure as duas mãos dela e repreenda dentilmente, dizendo "Seja cuidadoso" ou "Sem bater". Outro método é segurar o pulso da criança, fazer com que a mão dela toque seu braço de forma suave e diga "Cuidado" ou "Nós não batemos".

  3. 3

    Fique de olho nos sinais de aviso e prepare-se para agir rapidamente quando seu filho estiver em companhia de outras crianças, mesmo em momentos em que ele pareça estar brincando e interagindo calmamente. Não voe para cima da criança, mas esteja atento.

  4. 4

    Esteja pronto para separar seu filho das outras crianças. Não deixe que ele brinque com outras sem supervisão se ele tem um histórico de atacá-las fisicamente. Monitore o comportamento dele e lembre-o gentilmente se ele agir de forma errada. Remova a criança de perto das outras se ela continuar a bater ou machucá-las deliberadamente.

  5. 5

    Fique calmo quando estiver corrigindo o comportamento de seu filho. A interação firme, mas delicada, envia a mensagem de que, embora o comportamento o tenha chateado e não seja aceitável, você ainda o ama incondicionalmente. Exagerar pode distrair a criança, chateá-la e piorar a situação.

  6. 6

    Remova brinquedos ou objetos ao primeiro sinal de que seu filho esteja começando a ficar muito agressivo com eles. Mesmo brincar com brinquedos infláveis pode começar com acertar a cabeça de outra criança de brincadeira antes de tornar-se uma briga.

  7. 7

    Tenha paciência. Em crianças muito novas, é improvável que ela esteja sendo malvada ou tentando machucar as outras. Elas estão no processo de experimentar o ambiente e as pessoas ao seu redor enquanto começam a formar a maneira com que interagem e reagem as outras pessoas. A orientação amável ensinará seu filho a se dar bem na vida.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível