Como disciplinar seu filho de 17 anos corretamente

Escrito por lynda moultry belcher | Traduzido por fabrício scaramello
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como disciplinar seu filho de 17 anos corretamente
Educando filhos (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Disciplinar um filho de 17 anos requer criatividade e uma visão das coisas que são importantes para ele. Já que você não pode colocá-lo de joelhos e bater nele mais, e muitos adolescentes são peritos em não dar atenção aos adultos de sua vida, principalmente quando o assunto é disciplina, você precisa ser mais consistente e criativo. Desde limitar atividades extracurriculares a conversas frequentes sobre o problema, existem vários componentes-chave para disciplinar um adolescente.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Comunique claramente e especificamente a razão da correção para que seu filho adolescente não fique confuso sobre o problema ou a falta de compreensão do motivo pelo qual ele está sendo punido. Aponte claramente e de forma simples o que ele fez de errado e por que isso demanda punição.

  2. 2

    Evite a correção física. Seu filho adolescente já passou da idade de apanhar ou ganhar tapinhas na mão. Partir para o lado físico apenas levará à raiva e ao ressentimento e provavelmente não consertará nada. De fato, um filho de 17 anos está na idade de revidar, levando a uma situação ruim. Então, o que quer que faça, evite bater em seu filho.

  3. 3

    Reduza ou elimine os privilégios. Isso atinge bastante os adolescentes, principalmente os de 17 anos que estão acostumados a mais liberdade do que realmente precisam. Tome as chaves do carro, noitadas com os amigos, celular, computador, televiso e qualquer coisa que ele tenha como privilégio em casa. Isso os atinge de forma certa.

  4. 4

    Dê a ele tarefas extras ou responsabilidades perante suas ações. Esse é um jeito efetivo de evitar que ele se meta em problemas. Eles querem estar com os amigos, não tirando poeira de cada bugiganga em casa ou varrendo o quintal. A infração deve estabelecer o trabalho; chegar em casa depois do toque de recolher pode ter como consequência passar o aspirador de pó nos quartos extras no dia seguinte, enquanto desobediência em flagrante ou xingar nomes pode levar a um castigo de um mês de louça.

  5. 5

    Não volte atrás na correção. Claro, você não gosta ver seu filho triste ou chateado quando você se acalma; mas se voltar atrás, ele acostumará a esperar até que você não esteja mais bravo e tire todas as punições. Mantenha pulso firme e veja os resultados de tal ação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível