Como educar adolescentes difíceis e desrespeitosos

Escrito por kay ireland | Traduzido por andressa v. da nobrega
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como educar adolescentes difíceis e desrespeitosos
Durante a adolescência, podem surgir comportamentos agressivos (Comstock/Comstock/Getty Images)

Quando seu filho ou filha adolescente está sendo desrespeitoso ou agressivo, pode ser difícil não descer ao nível dele ou reivindicar sua autoridade de uma maneira equivocada. Eles estão o tempo inteiro testando seus limites, e, consequentemente, você mesmo. Compreender como lidar com comportamento desrespeitoso pode lhe ajudar a criar uma relação calma de respeito mútuo entre você e seu adolescente problemático. Gritar e brigar, disciplina rígida ou perder a calma não levará a lugar algum -- é hora de tentar um método diferente de educação.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Dê responsabilidades a seus filhos adolescentes, mas escolha-as de maneira sábia. Um adolescente pode ser desrespeitoso porque não se sente respeitado. Atribui-lhe responsabilidades significativas poderá ajudar a se sentir mais valorizado, sobretudo se for uma tarefa importante. Em vez de lhe atribuir tarefas como limpar o próprio quarto, escolha algo mais importante, como levar um irmão menor a uma atividade semanal ou monitorar seu dever de casa. Você poderá descobrir que há um adolescente mais respeitoso latente dentro dele, bastando apenas trazê-lo para fora, mostrando-lhe que você lhe confia tarefas importantes.

  2. 2

    Ofereça escolhas para seu filho adolescente ao invés de simplesmente dizer a ele o que espera que faça. Lembre-se de quando ele era uma criança pequena -- as escolhas abstratas eram assustadoras, mas, diminuir as opções o ajudaram a decidir com mais facilidade. Dar algumas escolhas para seu filho adolescente poderá ajudá-lo a se sentir mais no controle de sua própria vida, resultando em uma criança mais educada e respeitosa. Em vez de exigir notas melhores, peça que escolha entre melhorar as notas ou começar uma atividade extracurricular.

  3. 3

    Dê um tempo a si mesmo quando sentir que estiver perdendo a paciência. Não desrespeite seu filho ou deixe que ele perceba você perdeu a paciência. Não grite ou diga coisas que magoam, das quais você possa se arrepender depois. Se você estiver no meio de uma discussão acalorada, peça licença por alguns minutos até que possa voltar com uma abordagem mais racional. Seu filho verá a maneira correta de lidar com o comportamento difícil e poderá estar mais apto a concordar com você ao notar que você está respeitando-o mais.

  4. 4

    Dê a seu filho ou filha adolescente um ambiente seguro no qual possa se comunicar com você, sem que você perca a paciência e possa falar com ele de igual para igual. Caso tenda a falar mais no carro, comece conversas enquanto estiver dirigindo. Você sentirá que quando seu filho sentir que pode se abrir com você, poderá ser mais complacente e vê-lo como mais que um pai ou mãe que vive reclamando.

  5. 5

    Escolha suas batalhas sabiamente. Se você constantemente grita ou disciplina seu filho adolescente por coisas pequenas, tome um minuto para perceber qual a mensagem que está enviando para ele. Talvez você tenha dificuldades em perceber a pessoa que ele é por se distrair com o que ele faz. Crie uma escala para ações, palavras e atitudes que normalmente lhe fariam brigar. Qualquer coisa abaixo de um sete na escala de desrespeito pode não valer a pena a discussão. Mude o humor da casa, começando por você, para que surjam as mudanças positivas em seu adolescente complicado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível