O efeito da castanha de caju no açúcar do sangue

Escrito por james rada, jr. | Traduzido por felipe vargas
O efeito da castanha de caju no açúcar do sangue

As castanhas de caju são um ingrediente comum em muitas receitas

As castanhas de caju são um aperitivo popular e também contém benefícios para diabéticos ou pessoas que precisam controlar a glicose no sangue. Elas podem ser assadas, adocicadas ou cobertas com chocolate. Também são um ingrediente usado em muitos pratos na forma processada.

Outras pessoas estão lendo

Características

As castanhas de caju são, na verdade, sementes que crescem na ponta do caju. A fruta é muito frágil para ser exportada para fora da América do Sul, mas as sementes conseguem sobreviver à viagem. A castanha de caju é parente da manga, pistache, hera venenosa e do carvalho venenoso. Ela é a castanha líder de produção no mundo com bilhões de quilos exportados todo ano.

Nutrição

A castanha tem 5 g de proteína a cada 30 g mais ferro, magnésio, fósforo, zinco, cobre e manganês. Elas também possuem 12 g de gordura a cada 30 g, mas apenas 2 g delas são saturadas. As castanhas não têm colesterol e fornecem fitosteróis, tocoferóis e esqualeno, o que diminui o risco de doenças cardíacas. Apesar do sabor doce, elas não aumentam o nível de açúcar no sangue de maneira significativa, principalmente porque contêm uma grande quantidade de fibras. Um quarto de xícara de castanhas de caju possui 1,03 g de fibra alimentar.

Índice glicêmico

A castanha de caju tem um índice glicêmico de 22. Esse índice mede a velocidade na qual a comida aumenta os níveis de glicose no sangue, em uma escala de 1 a 100. Quanto mais alto o valor do alimento na escala, mais rápido ele aumenta o nível de açúcar no sangue. Com um índice de 22, as castanhas afetam o açúcar sanguíneo lentamente, o que significa que não provocam respostas rápidas de insulina.

Importância

A Clinica "Mayo" lista as castanhas, incluindo a de caju, como um dos cinco melhores alimentos para ajudar a baixar o colesterol. Embora sejam ricas em gorduras, a maior parte é insaturada, o que melhora o colesterol HDL, também chamado de "bom colesterol". Devido ao fato de que afetam o açúcar sanguíneo lentamente, elas não fazem a glicose atingir níveis altos, que os diabéticos tentam evitar. De acordo com a Clínica "Mayo", devido ao alto teor de fibras, elas também podem ajudar a combater a diabetes.

Outros benefícios

A castanha de caju não é a única parte do cajueiro que tem um efeito lento na glicose sanguínea. As folhas, casca e frutos não apenas ajudam a controlar a glicose como também matam bactérias e germes, acabam com a diarreia, aumentam a libido, reduzem a febre, a pressão arterial e reduzem a temperatura. Entretanto, por ser uma árvore nativa da América do Sul, as pessoas de outros lugares não podem usufruir desses benefícios.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media