Experimentos de raios de Tesla

Escrito por les moore | Traduzido por ricardo soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Experimentos de raios de Tesla
Tesla criou o raio artificial em seu laboratório no Colorado (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Nikola Tesla foi um engenheiro elétrico sérvio que se mudou para os Estados Unidos em 1884 para trabalhar para Thomas Edison. Ele descobriu e patenteou a teoria do campo magnético rotativo. Essa teoria é a base para a corrente alternada para dínamos, motores, transformadores e energia da corrente alternada. Tesla vendeu os direitos da patente da teoria para George Westinghouse após ter se mudado para os Estados Unidos. Ele deixou baús cheios de anotações sobre suas experiências e teorias. Algumas delas envolviam seus experimentos de raios.

Outras pessoas estão lendo

Teoria de raios de Tesla

Tesla teorizou que seria possível transmitir energia elétrica através do solo sem perda de eletricidade. Ele imaginou um sistema mundial de transmissores que enviam a energia elétrica para o solo. Ao ajustar a energia para uma frequência específica, um receptor poderia acessá-la. Tesla considerou isso como a sua maior descoberta. Para Tesla realizar seus experimentos de raios, ele precisava de uma grande área de espaço aberto.

Ondas estacionárias terrestres

Em Maio de 1899 e no início do ano seguinte, Tesla realizou seus experimentos de raios, que ele chamou de ondas estacionárias terrestres, em Colorado Springs, Colorado. O objetivo era fazer um sistema de energia sem fio mundial para transmitir energia e mensagens. Ele disse aos jornalistas que estava experimentando para enviar sinais de telegrafia sem fio a partir de Pikes Peak para Paris. Tesla não lhes deu mais nenhuma informação, e não está claro se ele tentou a façanha. Ele construiu um transmissor de ampliação semelhante a uma bobina de Tesla. Naquela época, era a maior versão de uma bobina de Tesla já construída. A estrutura foi de 68 m de altura com uma bola de cobre de 16 m de diâmetro no topo.

Os experimentos

Tesla teve algum sucesso com seus experimentos, e eles foram espetaculares. Ele foi capaz de gerar um raio artificial de 41 m de comprimento. A área ao redor do laboratório brilhava quando alguns dos experimentos estavam em sessão. Ele acendeu lâmpadas a vácuo presas no chão a uma distância de 40 km sem uma conexão de fio. Alguns desses experimentos levaram uma tremenda quantidade de energia e desativaram o gerador de toda a energia de Colorado Springs.

Os resultados

Depois de nove meses de testes, os resultados dos raios de Tesla não eram claros. Ele mantinha anotações detalhadas dos experimentos, mas não está claro como pretendia transmitir a energia. Ele teorizou que, quando um raio atinge o solo, a terra é um condutor que transmite a eletricidade sem perdas. Durante esse tempo, ele também explorou a ideia de transmitir energia elétrica através da ionosfera. Mesmo que ele não tenha respondido completamente a todas as perguntas, o experimento não foi uma perda total. Além de criar enormes raios artificiais, Tesla estava correto sobre a terra e a atmosfera superior serem condutoras.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível