Fatos sobre o sol e as estrelas azuis

Escrito por sarah lipoff | Traduzido por laura louzada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Fatos sobre o sol e as estrelas azuis
O sistema solar (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

Há muitos fatos interessantes sobre o sol e as estrelas azuis. O sol, que é o centro do nosso sistema solar, é importante para nós porque fornece energia e calor para a Terra. As estrelas azuis são encontradas no nosso universo, sendo algumas das mais quentes.

Outras pessoas estão lendo

História

A teoria do Big Bang é uma forma de explicar como o universo foi criado. Astrônomos descobriram que ele começou há aproximadamente 13,7 bilhões de anos. Não é possível precisar como realmente ocorreu a criação do universo, mas, provavelmente, o evento foi resultado de intensa pressão e calor e frio extremos.

A criação do sol e das estrelas azuis

Junto à criação do universo em decorrência do Big Bang, o sol e as estrelas azuis surgiram. As estrelas se formam quando nuvens gigantes de gás se juntam e colidem entre si. Neste processo, hélio e hidrogênio se formam e e uma fissão nuclear ocorre no centro da estrela. Este processo continua ao longo da vida do astro. Com o passar do tempo, a massa acaba ficando instável e a estrela explode. A este fenômeno dá-se o nome de supernova.

O sol

A temperatura na camada externa do sol, chamada fotosfera, é de 6.000 °C. No seu núcleo, onde a energia solar é criada, a temperatura é de, aproximadamente, 15.000.000 °C. O seu núcleo é tão quente e a pressão é tão alta que lá ocorrem reações nucleares.

Fatos sobre o sol e as estrelas azuis
Vista espacial dos raios do sol chegando na Terra (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Estrelas azuis

Alguns dos astros mais quentes no universo são as estrelas azuis. Elas queimam hélio, podendo atingir a temperatura de 22.200 °C. Uma estrela azul gigante pode produzir 10.000 vezes a energia solar.

Fatos sobre o sol e as estrelas azuis
Estrelas e constelações (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

O tempo de vida do sol

O sol brilha há cerca de 4,6 bilhões de anos e tem combustível para mais cinco bilhões de anos. Quando ele terminar de queimar toda sua energia, ele inchará e engolirá a terra e os outros planetas. Ele será uma estrela gigante vermelha por bilhões de anos e depois se tornará uma anã branca, que é o estágio final das estrelas, podendo levar um trilhão de anos para esfriar completamente.

A vida de uma estrela azul

As maiores estrelas são as azuis supergigantes, cuja temperatura superficial chega a 33.300 °C e cujo tamanho pode ser 25 vezes maior que o do sol. Algumas delas podem ser do tamanho do nosso sistema solar. Como elas são muito grandes, queimam sua energia mais rapidamente. Por isso, têm uma vida mais curta em comparação ao sol, em torno de alguns milhões de anos. O fim de sua vida pode ser como uma estrela de nêutrons, um buraco negro ou uma completa vaporização.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível