Mais
×

Filmes sobre futebol

O esporte que é paixão nacional já saiu dos campos para diversos filmes
Michele Piacquadio/Hemera/Getty Images

Introdução

O futebol é uma paixão nacional e arranca choro e risos de seus admiradores, não só dentro dos campos, mas também nas comoventes histórias de filmes, sejam elas inspiradas nos ídolos do esporte ou pura ficção. Confira alguns filmes, nacionais e estrangeiros, que incluem em seu roteiro a paixão e a emoção do esporte que faz bater mais forte o coração dos brasileiros.

O ator Rodrigo Santoro interpreta o jogador de futebol Heleno, famoso nos anos 1940
Valerie Macon/Getty Images Entertainment/Getty Images

Heleno (Brasil, 2011)

O filme "Heleno" conta a história do jogador de futebol Heleno de Freitas, interpretado por Rodrigo Santoro, considerado galã do futebol brasileiro nos anos 1940. Além de sua beleza e habilidade em campo, o jogador também era conhecido por ter uma personalidade difícil e problemática, o que acabou por interferir em sua profissão. Baseado no livro "Nunca Houve um Homem como Heleno", de Marcos Eduardo Novaes, o filme revela a dramática jornada do jogador.

O longa-metragem é dedicado ao Rei do Futebol
Kevin Winter/Getty Images Entertainment/Getty Images

Pelé Eterno (Brasil, 2004)

O documentário "Pelé Eterno", de Anibal Massaini Neto, homenageia o Rei do Futebol com depoimentos e imagens marcantes da trajetória do jogador. O filme levou cinco anos para ser produzido e traz um levantamento rico da história pessoal e profissional de Pelé.

Documentário traz a história do polêmico jogador argentino
Gareth Cattermole/Getty Images Entertainment/Getty Images

Maradona by Kusturica (Espanha e França, 2008)

O documentário biográfico "Maradona by Kusturica" aborda a vida do polêmico jogador Diego Armando Maradona e mistura aspectos da vida particular e pública do "El Pibe", como é conhecido o argentino. O diretor Emir Kusturica, fã assumido de Maradona, faz um relato íntimo do craque, retratando diversas controvérsias em que ele se envolveu ao longo da carreira.

Filme relembra o primeiro título internacional brasileiro
Matt Cardy/Getty Images News/Getty Images

1958 - O Ano em que o Mundo Descobriu o Brasil (Brasil, 2008)

O filme "1958 - O Ano em que o Mundo Descobriu o Brasil" conta a história do primeiro título brasileiro na Copa do Mundo. Traz os bastidores do evento, com entrevistas de jogadores e outros importantes nomes que fizeram parte da conquista, como Zagallo, Nilton Santos, João Havelange e Luiz Carlos Barreto.

Garrincha é considerado o maior driblador da história do futebol
Reprodução www.taringa.net

Garrincha - Estrela Solitária (2003)

Dirigida por Milton Alencar Jr., a cinebiografia "Garrincha - Estrela Solitária" revela as glórias e derrotas do inesquecível futebolista. Através do relato de pessoas que tiveram contato e fizeram parte da vida do "demônio das pernas tortas", o filme mostra diferentes traços de sua personalidade, dentro e fora dos estádios.

O diretor iraniano ganhou o Leão de Prata de Berlim ao conquistar o Grande Prêmio do Júri pelo filme "Fora do Jogo"
Sean Gallup/Getty Images Entertainment/Getty Images

Fora do Jogo (Irã, 2006)

O premiado diretor iraniano Jafar Panahi denuncia em "Fora do Jogo" o tratamento distinto que recebem as mulheres no Irã também no cenário esportivo, revelando a história de um grupo de garotas que se disfarçam de homens para driblar os policiais e a censura, que as proíbe de frequentar os estádios.

Sob a ótica de um menino, o filme mostra como a vitória da Copa do Mundo de 1954  ajudou a Alemanha a recuperar a ideia de nação após a II Guerra Mundial
Reprodução outnow.ch

O Milagre de Berna (Alemanha, 2003)

"O Milagre de Berna" mostra como a conquista da Alemanha na Copa do Mundo de 1954 foi determinante para retomar o sentimento de nação pós Segunda Guerra Mundial. A vitória ficou conhecida como o milagre de Berna, cidade suíça onde aconteceu a partida decisiva. As lembranças do momento político vivido e a memória dos jogos são contadas sob a perspectiva de um garoto.

Reprodução www.sansebastianfestival.com

O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias (Brasil, 2006)

"O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias" mistura política e futebol de forma delicada e tocante. O longa apresenta a história de Mauro, menino de 12 anos apaixonado por futebol, que se vê sozinho ao ser deixado por seus pais que saem de “férias” devido à perseguição política durante o período militar. Como pano de fundo, a Copa do Mundo de 1970 traz momentos de alegria em meio ao triste contexto político do Brasil de então.

Sylvester Stallone participa do longa "Fuga para a Vitória"
Reprodução www.amazon.com

Fuga para a Vitória (EUA, 1982)

Em um campo alemão de prisioneiros de guerra, o major Karl von Steiner (Max Von Sydow), que pertenceu à seleção alemã de futebol, decide realizar um jogo entre um time de prisioneiros e uma seleção alemã. Enquanto o time nazista treina para vencer a partida, os prisioneiros planejam uma fuga durante o jogo. Além de Michael Cane e Silvester Satallone, "Fuga para a Vitória" também conta com a participação de Pelé.

O jogador Ronaldo foi aclamado por fãs durante jogo amistoso no Haiti
Andreas Rentz/Getty Images Entertainment/Getty Images

O Dia em que o Brasil Esteve Aqui (Brasil, 2005)

O documentário "O Dia em que o Brasil Esteve Aqui" retrata o dia em que a Seleção Brasileira de futebol foi ao Haiti para um jogo amistoso, numa tentativa de acalmar o conturbado contexto político e social do país. No filme se destacam as cenas de idolatria aos jogadores Ronaldo e Ronaldinho.

O diretor de cinema Fernando Meirelles dirigiu o longa "Ginga"
Ian Gavan/Getty Images Entertainment/Getty Images

Ginga – A Alma do Futebol Brasileiro (Brasil, 2004)

O documentário "Ginga – A Alma do Futebol Brasileiro", do diretor Fernando Meirelles traz a história de dez jovens habilidosos com a bola no pé, de diferentes lugares do Brasil, e suas relações com o futebol, tentando explicar a famosa "ginga" típica do jogador brasileiro.

Reprodução fr.film-cine.com

A Copa (Tibet, 1999)

Produzido no Tibet, o longa revela a história do jovem Orgyen, um monge apaixonado por futebol. Durante a Copa do Mundo de 1998, ele tenta organizar seus afazeres religiosos e ainda assistir às partidas do campeonato, fugindo da vigilância de seu mestre Geko.