Os frutos de azevinho são venenosos?

Escrito por helena vayna | Traduzido por elisa lacerda de freitas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os frutos de azevinho são venenosos?
Existem mais de 400 espécies de azevinho (holly and berries image by Alison Bowden from Fotolia.com)

Existem mais de 400 espécies de azevinho no mundo. Embora sejam parte da dieta de alguns pássaros e outros animais, os frutos dessa planta não são comestíveis para os seres humanos e não devem ser consumidos.

Outras pessoas estão lendo

Advertência

A ingestão de mais do que três bagas de azevinho pode causar náusea prolongada, vômito, diarreia e sonolência. Os frutos são considerados mais prejudiciais às crianças, ainda que não sejam fatais. Se você tiver ingerido bagas de azevinho e apresentar uma reação adversa, busque ajuda médica.

Os frutos de azevinho são venenosos?
A ingestão dos frutos de azevinho pode fazer mal a você (Sick 4 image by chrisharvey from Fotolia.com)

Características

A ilicina é o componente tóxico em grande parte das bagas de azevinho. Algumas espécies, como o azevinho comum, contêm a toxina teobromina nas folhas e nos frutos. Independentemente de qual tipo de azevinho for consumido, a ilicina e a teobromina provocam náuseas, vômitos, sonolência e diarreia quando ingeridas em quantidades maiores. A ilicina também é conhecida por causar dermatite.

Os frutos de azevinho são venenosos?
As bagas e as folhas de azevinho contêm substâncias tóxicas (chemical experience image by Sergey Galushko from Fotolia.com)

Descrição

Os frutos de azevinho são vermelhos, pretos, alaranjados ou amarelos. A planta é encontrada em muitas áreas do mundo, como na Europa, no Mediterrâneo, no norte da África, na Ásia, no norte do Irã, na América do Norte e na Austrália.

Os frutos de azevinho são venenosos?
O azevinho é encontrado em diversas regiões do mundo (globe image by danimages from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível