Identificação e cuidados de tartarugas

Escrito por emma rensch | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Identificação e cuidados de tartarugas
Várias espécies de tartarugas podem ser bons animais de estimação (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

As tartarugas são quase que exclusivamente répteis terrestres. Essas criaturas são identificadas principalmente pelo tamanho e pelas suas marcas. O cuidado exigido por todos os tipos de tartaruga é bem semelhante, já que elas vivem em ambientes de terra árida. Ao aprender a diferenciar e cuidar de tartarugas, é importante primeiro entender a variação de tamanho e então explorar os tipos específicos de tartarugas.

Outras pessoas estão lendo

Tartarugas grandes

As diferentes espécies de tartarugas são distinguidas pelo tamanho. As grandes incluem a tartaruga gigante das Ilhas Maurícias e a tartaruga-das-galápagas. Essas tartarugas vivem em média 100 anos. Seus cascos podem alcançar uma altura de 1,22 metros e seus corpos podem pesar até 136 quilos. Essas espécies são propensas a alcançar o tamanho máximo quando vivem em viveiros abertos em climas quentes e secos.

Tartarugas pequenas

As tartarugas pequenas incluem a tartaruga do pântano, que mede em média 5 centímetros de comprimento, e a tartaruga-caixa, medindo entre 15 e 20 centímetros. Essas pequenas tartarugas devem ser mantidas dentro de um terrário, já que seu tamanho pequeno as torna vulneráveis a predadores ao ar livre.

Tartaruga do deserto

A tartaruga do deserto é uma tartaruga de tamanho médio que alcança até 30 centímetros de comprimento e pode pesar até 6,8 quilos. Como a maioria das tartarugas, a do deserto vive em territórios que tenham acesso à água, mas vive sempre na terra. A superfície do espaço onde todas as tartarugas vivem deve ser revestido com terra ou areia para permitir que elas se entoquem. Esses animais também exigem acesso a um prato de água limpa que elas não possam virar. Tartarugas são herbívoras e consumem vegetais folhosos que devem ser polvilhados com vitamina em pó para répteis.

Tartaruga-leopardo

A tartaruga-leopardo pode medir até 70 centímetros de comprimento e pesar até 54 quilos. Ela é a quarta maior espécie de tartaruga existente. As placas que constituem as partes do casco geralmente possuem forma de pirâmides e são cor de creme com pontos ou listras pretas. Como todas as tartarugas grandes, é melhor abrigar uma tartaruga-leopardo em um viveiro ao ar livre, que contenha uma caixa grande o suficiente para que ela possa se esconder. Essas criaturas pastam na grama e em outras vegetações. A grama deve ser cultivada no viveiro e complementada com vegetais verdes folhosos polvilhados com vitamina em pó para répteis.

Tartaruga grega

A tartaruga grega é uma pequena tartaruga que raramente se torna maior do que a mão humana. Ela pode ser identificada por seu casco amarelo com pontos pretos em cada placa. Essa tartaruga não pode ser abrigada com outras espécies de répteis, já que é muito suscetível a doenças. Pequenas tartarugas, como a grega, devem ser mantidas em terrários com lâmpadas de aquecimento durante o clima frio. Como as outras tartarugas, a grega consome vegetais folhosos que devem ser enriquecidos com vitamina em pó.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível