Como investir em mercado de câmbio

Escrito por tim plaehn Google | Traduzido por daniel coutinho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como investir em mercado de câmbio
Existem várias formas diferentes de negociar com câmbio (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Existem várias formas diferentes de negociar com mercado de câmbio (conhecido como Forex, acrônimo da expressão em inglês "foreign exchange"), incluindo lucros a longo prazo, a curto prazo e estratégias de reversão. Escalpelamento é um dos métodos de negociação em curto prazo. Um cambista tenta fazer pequenas inversões e faz negócios de curta duração para lucrar com pequenas alterações de preços no mercado de divisas. Um comerciante de mercado de câmbio pode ser um cambista em tempo integral ou somente usar técnicas de escalpelamento quando as condições do mercado impedem o uso de outras estratégias.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Certifique-se de que está negociando com um corretor de ordens através de uma rede de comunicações electrónicas (ECN) ou processamento direto (STP) de ordens. Evite corretores de câmbio que usam suas próprias mesas de negociação. Para investir, necessitará de um corretor que invista ao menos dois lances sobre os principais pares de divisas.

  2. 2

    Baixe o software com gráficos do corretor e configure-o por meio de indicadores de preços e intervalos de um a cinco minutos. Se nunca tiver usado o corretor antes, abra uma conta de demonstração e prática de negociação simulada usando dinheiro virtual até que se acostume com o sistema.

  3. 3

    Selecione os indicadores de comércio para fornecer orientação de compra e venda de pontos. Linhas de suporte e resistência, pontos de articulação e canais de gráficos são alguns indicadores frequentemente utilizados pelos comerciantes de escalpelamento. O software gráfico de valores permitirá que instale esses indicadores como sobreposições ou em caixas separadas, seguindo os valores das moedas.

  4. 4

    Desenvolva metas de lucro e limite de prejuízo para cada setor. Use o indicador de média diária (ATR) para definir uma meta de lucro por negociar. Por exemplo, um par divisas pode ter uma ATR diária de 100 lances. Como cambista, poderá querer fazer 10% da ATR, ou 10 lances com cada setor. Para limitar as perdas, poderá definir um limite de prejuízo para cada um em seis lances. Com este plano, mesmo que apenas 50% dos seus negócios sejam bem sucedidos, você será um cambista rentável.

  5. 5

    Negocie rapidamente com escalpelamento usando seu plano durante os períodos em que os preços estão oscilando entre os níveis de suporte e de resistência ou em horários específicos em que o mercado tem mostrado padrões rentáveis. A estratégia deve ser digitada seguindo a orientação de seus indicadores escolhidos e você deveria fechar negócio em alguns minutos.

Dicas & Advertências

  • Antes de fazer escalpelamento com dinheiro real, pratique com a conta demo e ajuste seus parâmetros de negociação até que tenha um sistema de produção de lucros diários.
  • O mercado de câmbio mede as mudanças cambiais em lances (pips), que é a menor variação de valor para um par de moedas, geralmente a taxa de câmbio para a quarta casa decimal. Para cada R$ 200.000, cada lance vale R$ 20 e um comerciante deve colocar cerca de R$ 4.000 em depósito de margem. A maioria dos corretores permite a negociação de lotes de mini e micro de um décimo e um centésimo do tamanho de um lote padrão.
  • A maioria dos novos comerciantes de câmbio perde dinheiro; muitas vezes, todo o seu depósito inicial. As razões para a perda incluem deixar de desenvolver de um plano de negociação, não seguir o plano e não ter um bom programa de gestão monetária.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível