Família

Como lidar com casos fora do casamento

Escrito por renee miller | Traduzido por ana olson
Como lidar com casos fora do casamento

Aprenda algumas estratégias para lidar com a dor de uma infidelidade

Pixland/Pixland/Getty Images

Poucas coisas são mais devastantes do que a infidelidade de seu parceiro. Descobrir um romance extraconjugal destrói as ilusões românticas que foram construídas sobre o seu parceiro, seu casamento e seu futuro. A infidelidade destrói sonhos, desaponta e, acima de tudo, machuca profundamente. Pode levar anos para reconstruir a relação. Até lá, há o difícil trabalho de lidar com o presente e descobrir por onde recomeçar.

Outras pessoas estão lendo

Encare o problema

Encare os fatos. Não varra para debaixo do tapete. Não negue o que aconteceu. Não finja que está tudo bem, porque não está. Esta situação machuca e desestabiliza. Casos extraconjugais profanam a santidade do seu leito conjugal, o lugar de intimidade que você esperava que só fosse compartilhado com você. Encare os fatos, do contrário você estará menos preparado do que você já imagina que esteja para seguir em frente.

Tome uma decisão

Decida se você quer ou não continuar no casamento. Vários homens e mulheres continuam com seus parceiros após casos extraconjugais, mas nem todos devem ou conseguem. Se você considerar que seu casamento estava em real perigo e que qualquer um dos dois pudesse ter caído em tentação, então talvez seja possível reconstruir. A questão do vício sexual está em voga em vários círculos. Se isso for realmente um fator em seu casamento e se ambos estiverem dispostos a passar por aconselhamento adequado para superar o problema, então, novamente, considere ficar. Razões para terminar a relação incluem a falta de remorso e contínuas aventuras sexuais perigosas. Sua vida é valiosa. Não permita que ninguém coloque a sua saúde em risco por um comportamento sexual arriscado. Qualquer que seja sua decisão, você deve decidir. Não faz bem ficar em uma relação apenas para lamentar que você não a deixou. Por outro lado, você pode encontrar-se querendo voltar para casa se ​​você a deixar abruptamente. Permita-se tempo para tomar uma decisão.

Perdoe

Perdoe o seu cônjuge. Parece ridículo. Mas mesmo se você terminar a relação, você precisa considerar o perdão. Você não tem que perdoar amanhã. Você não tem sequer que fazer isto este ano. No entanto, uma série de problemas de saúde pode ser desencadeada por amargura. Permita-se curar durante o processo e aceitar a humanidade de seu cônjuge com todos seus defeitos. Uma vez que você possa fazer isso, você vai achar mais fácil de perdoar e seguir em frente com sua vida.

Procure terapia

É fundamental procurar aconselhamento profissional durante este período doloroso em sua vida. Você perde a confiança, intimidade, segurança, dentre outras coisas, ao ser uma vítima da amante do seu companheiro. Um terapeuta irá ajudar a lidar com os momentos difíceis. A verdade é que haverá momentos em que você se encontrará em total desespero, talvez com nenhuma vontade de viver, enquanto você estiver sofrendo com a dor da traição e tristeza sobre o que foi perdido. Um terapeuta aconselhará sobre como você pode superar esta dolorosa jornada.

Não deixe de ver

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media