O Minotauro da mitologia grega

Escrito por scott johnson | Traduzido por henry alfred bugalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O Minotauro da mitologia grega
O Minotauro vivia em um gigantesco Labirinto (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Na mitologia grega, o Minotauro era uma criatura metade homem metade touro. Ele vivia no labirinto de Creta antiga, um elaborado labirinto que foi construído pelo Rei Minos. No mito de Teseu e do Minotauro, a cada sete anos Atenas tinha de enviar sete jovens e sete donzelas para Creta como um tributo para Minos, para serem sacrificados para o Minotauro. Teseu, filho do rei ateniense, voluntaria-se para ser enviado a Creta, com a intenção de matar a besta.

Outras pessoas estão lendo

O mito da origem do Minotauro

No começo do reinado do Rei Minos, Posêidon envia a ele um touro todo branco para sacrificá-lo em honra ao deus. Contudo, vendo o animal esplêndido, Minos se recusa a matá-lo. Posêidon, enraivecido, faz com que a esposa de Minos, Pasifae, se apaixone pelo touro. O Minotauro, nascido com o corpo humano e cabeça do touro, é o filho de Pasifae e do touro branco. Quando o rei vê o monstro, ele ordena que o arquiteto Dédalo construa o Labirinto como sua prisão.

Rei Minos e Atenas

Para vingar a morte de seu filho, Androgeu, Minos envia uma expedição militar contra Atenas, derrotando os atenienses com a ajuda de seu pai, Zeus. O rei exige que Atenas envie sete jovens e sete donzelas a cada nove anos para alimentarem o Minotauro. Na época do terceiro sacrifício, Teseu, o filho do rei ateniense Egeu, se voluntaria para ser um dos sete jovens, com a intenção de matar o Minotauro e terminar a prática de sacrifício.

Teseu e o Minotauro

Quando Teseu chega a Creta, a filha do rei, Ariadne, apaixona-se profundamente por ele. Como Teseu precisa não apenas matar o Minotauro, mas também escapar do labirinto, ela dá a ele uma novelo de linho para ele encontrar seu caminho. Ele então entra no labirinto e mata o monstro com a espada de Egeu. Depois de resgatar os outros atenienses, Teseu escapa de Creta com Ariadne.

Rei de Egeu e as velas

Antes de partir, Teseu havia prometido a seu pai que, se fosse vitorioso, ele mudaria as velas do barco para branco como sinal de que ele havia sobrevivido à prova. Contudo, os atenienses param em Naxos para uma longa celebração. Depois de muita festa e bebedeira, Ariadne é deixada para trás. Quando Teseu descobre que Ariadne não está com eles, ele se esquece de mudar as velas. Assim que o barco se aproxima de Atenas, o rei Egeu vê as velas pretas e conclui que seu filho morreu. Ele comete suicídio, arremessando-se no mar que agora recebe seu nome, o Mar Egeu.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível