Como organizar uma sala de alfabetização para alunos superdotados

Escrito por kyra sheahan | Traduzido por bruno belli sinder
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como organizar uma sala de alfabetização para alunos superdotados
Estações de aprendizagem podem desafiar alunos de alfabetização superdotados (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

A organização de uma sala de alfabetização influencia em quão bem os alunos aprendem - ou não aprendem - o que está sendo ensinado. Quando professores reconhecem em jovens alunos sinais de facilidade para o aprendizado, que na alfa incluem um grande senso de curiosidade, habilidade para leitura, contar até mais do que 50 e terminar com velocidade todas as tarefas, eles podem arranjar a sala de maneira que incentive o processo de aprendizado destes alunos.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Mesas

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Crie estações de aprendizagem na sua sala de alfabetização. Uma estação de trabalho é um lugar que oferece atividades desafiadoras para alunos com facilidade em uma determinada área de conhecimento. Por exemplo, enquanto os alunos médios estiverem fazendo um exercício de colorir, um aluno superdotado pode estar na estação trabalhando em uma atividade mais exigente, como montar um quebra-cabeça, fazer um projeto de arte ou aprender qualquer outra lição mais avançada.

  2. 2

    Planeje suas estações de aprendizagem baseado nos talentos mostrados e prepare atividades apropriadas. Por exemplo, se os seus alunos superdotados tiverem facilidade em matemática, mas forem leitores medianos, estruture as atividades ao redor da matemática. Você pode dar a eles jogos matemáticos para jogar e ensinarem uns aos outros ou ensiná-los operações matemáticas mais complexas.

  3. 3

    Crie um time ou grupo na sala de aula. Ao invés de dar aos seus alunos com facilidade mesas individuais, que podem ser solitárias, organize a sala em pequenos grupos de mesas e cadeiras. Esta arrumação permite que você passe atividades nas quais eles possam trabalhar em grupo. Não só isso ajudará no aprendizado, mas a ideia de trabalhar em grupo também lhes apresentará barreiras para superar.

  4. 4

    Dê aos seus alunos privilegiados suas próprias estações e grupos de mesas. Como professor, você pode lhes dar mais independência para trabalhar em tarefas ou projetos sem a sua supervisão constante. Talvez um canto silencioso na sala para que eles possam trabalhar juntos ou sozinhos, mantendo o resto da sala virada para a frente.

  5. 5

    Tenha ferramentas e recursos disponíveis para os alunos usarem. Por exemplo, se você estiver usando blocos para ensinar os alunos a contar até 20, você pode precisar de números mais altos para seus superdotados. Se você só disponibilizar para eles as mesmas ferramentas e recursos que usa com os alunos comuns, não estará incentivando o aprendizado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível