O que são polímeros naturais?

Escrito por henri bauholz | Traduzido por aline ferreira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que são polímeros naturais?
A madeira do tronco e galhos de uma árvore é considerada um polímero natural (Jupiterimages/BananaStock/Getty Images)

Alguns dos exemplos mais comuns de polímeros são plásticos e proteínas. Enquanto os plásticos são o resultado de um processo industrial, as proteínas estão presentes na natureza e, por isso, são consideradas polímeros naturais. Na realidade, se você pesquisar as plantas e animais ao seu redor, provavelmente encontrará muitos polímeros naturais.

Outras pessoas estão lendo

Definição de polímeros

Os polímeros são definidos como longas cadeias de moléculas feitas de unidades repetidas. Frequentemente, eles são associados com os plásticos e outros materiais sintéticos modernos, mas alguns deles ocorrem na natureza. Originalmente, os polímeros foram considerados uma propriedade das moléculas com base de carbono, mas esse tipo de estrutura repetida é encontrado também em substâncias sem carbono, como o silicone. Na realidade, ambos os tipos podem ser bastante longos. Atualmente, cientistas trabalhando no desenvolvimento de novos produtos sintéticos frequentemente estudam alguns dos mais complexos exemplos de polímeros naturais para entender melhor os usos científicos desse fenômeno.

Madeira e batatas

Os polímeros podem se dividir em dois subgrupos, um dos quais é o grupo "polissacarídeo". Estes são chamados assim porque sua unidade principal é uma molécula de açúcar que contém apenas carbono e hidrogênio. A partir desses fios moleculares relativamente simples, a natureza criou tais polímeros, como a celulose, o amido, o DNA, o algodão e borracha. Os polímeros simples e amidos são muitas vezes criados pelas plantas através do processo de fotossíntese e, em seguida, ligados entre si para formar polímeros complexos.

Proteínas e enzimas

O segundo grupo de polímeros é conhecido como "polipeptídeo". Nesse subgrupo, os aminoácidos são o elemento de construção principal. Um aminoácido é formado quando um amino simples (NH2) é ligado a um carboxil (COOH). Ainda assim, são necessários pelo menos dois aminoácidos para criar um peptídeo e dois peptídeos para um polipeptídeo. As possibilidades de combinação dos polipeptídeos é enorme, mas a maioria das proteínas e enzimas está dentro dessa grande subdivisão.

Exemplos de polipeptídeos

Diga o nome de qualquer proteína e, muito provavelmente, você terá um exemplo de um polímero natural. Outro exemplo fascinante de polímero é a seda, que é feita pelo bicho-da-seda, mas tem sido parte do vestuário das pessoas por milhares de anos. Esse material natural forma fibras longas e finas, um evento incomum para uma substância baseada em aminoácidos. O náilon, um polímero sintético, aparenta imitar a seda em vários aspectos, embora sua estrutura molecular seja ligeiramente diferente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível