Quais são as responsabilidades de um árbitro de basquete durante os jogos?

Escrito por sean quinn | Traduzido por marina pastore
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são as responsabilidades de um árbitro de basquete durante os jogos?
Juízes e suas decisões são grande parte do jogo. (basketball image by aline caldwell from Fotolia.com)

Árbitros de basquete, mais comumente chamados de juízes, podem muitas vezes afetar o desfecho de um jogo ainda mais que um jogador ou técnico. Juízes podem apertar o cerco no jogo, marcando todos os tipos de faltas, ou podem apitar apenas as penalidades mais escandalosas, o que resulta em um jogo duro e físico. Mesmo que todo juiz possua um estilo diferente, todos eles seguem o mesmo rol de responsabilidades.

Outras pessoas estão lendo

Apitar faltas

A função número 1 de um árbitro é apitar faltas e infrações às regras durante o jogo. Na NBA, um jogador que acumule seis faltas deve deixar o jogo sem poder retornar. Para ligas universitárias e de ensino médio, o limite é de cinco faltas. Nada altera mais dramaticamente a estratégia de um time do que quando um um jogador se complica com faltas no início do jogo ou uma violação impede uma jogada da equipe. Árbitros apitam todas as violações, como é o caso da obstrução (impedir o momento de um jogador ofensivo sem tirar os pés do chão). Em jogos ao vivo, no entanto, é um desafio perceber os diferentes momentos da jogada rapidamente, o que resulta em julgamentos imediatos - algumas vezes certos, outras vezes errados - pelo árbitro. Na NBA, executivos da liga investigam oficiais sob pedido de um time se este sente que as decisões foram tomadas contra ele de propósito. Neste caso, um árbitro pode enfrentar consequências como a suspensão.

Estar atento ao tempo

Relógios digitais marcam o tempo do jogo na quadra - 4 quartos de 12 minutos na NBA, 2 tempos de 20 minutos na universidade, quatro quartos de oito minutos no ensino médio -, mas eles sempre correm o risco de quebrar. Nestes casos, o árbitro deverá marcar o tempo com um cronômetro. Deve-se também prestar atenção ao relógio de arremesso e se certificar de que nenhum jogador ofensivo faça a jogada depois que o tempo acabe.

Revisão

Com a introdução do replay instantâneo na NBA, um árbitro também deve verificar as repetições em um monitor ao lado da quadra. Estas podem variar entre determinar se um jogador fez o arremesso antes da buzina final ou se o gerenciador do relógio na mesa de marcações não conseguiu iniciar a contagem de tempo na hora certa. Nestes casos, um árbitro vai rever o material e então fazer uma rápida decisão para contar uma cesta ou reiniciar o relógio para o tempo correto. Ainda que não haja replay instantâneo no nível colegial até 2013, árbitros apitando um jogo da NCAA só pode rever jogadas pontuais, como a dúvida entre um arremesso ser marcado como 2 ou 3 pontos. Árbitros da NCAA só podem revisar arremessos após a buzina se eles vierem no fim de um tempo ou de acréscimos.

Manter a ordem

Oficiais devem agir como disciplinadores de tolerância zero na quadra. Manter atletas e espectadores seguros é a prioridade máxima: um leve encontrão depois do apito pode rapidamente se tornar em um empurrão e então em um soco. Para impedir palavrões e provocações, bem como comportamento excessivamente agressivo, árbitros podem apitar uma falta técnica - a falta pessoal mais pesada do jogo. Não apenas o violador ganha uma falta pessoal nos níveis colegial e universitário, mas o outro time ganha a posse de bola e tiros livres.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível