Remédios com receita que causam testes de urina positivos

Escrito por melissa lind | Traduzido por luiz neves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Muitos empregadores usam testes de drogas para descobrir se seus empregados ou potenciais empregados usam determinados remédios ou drogas que podem ser abusadas, incluindo drogas ilegais. Vários tipos de substâncias controladas estão disponíveis com receita médica e podem causar resultados positivos em uma variedade de exames de urina. Essas drogas incluem analgésicos, medicamentos estimulantes e outras medicações usadas para administrar a ansiedade.

Outras pessoas estão lendo

Sobre os testes de urina

A maioria dos empregadores que faz testes de urinas para drogas rotineiramente possui um painel de drogas a serem testadas. Qualquer empregador que trabalhe para agências governamentais, como os órgãos de trânsito, são obrigados por lei a fazer testes rotineiros de urina antes de empregar o funcionário, e depois aleatoriamente ou por suspeita. Os padrões foram estabelecidos para se testar cinco drogas comuns, cocaína, marijuana (THC), anfetaminas, opioides e fenciclidina (PCP). Apesar da maioria dos empregadores seguirem esse padrão, muitos também decidem incluir testes para detectar agentes sedativos e antiansiedade, incluindo benzodiazepínicos ou barbitúricos. Várias categorias de medicamentos com receita podem causar um teste de urina positivo. A apresentação de uma receita médica legítima geralmente elimina as consequências negativas de um teste de urina positivo.

Opiáceos analgésicos

Um teste de urina que procure por opioides tem a intenção de testar o uso da droga heroína. Vários medicamentos com receita são quimicamente relacionados à heroína, graças à molécula do ópio. Drogas como a morfina, hidromorfona (Dilaudid) e oxicodona (Oxycontin) são analgésicos potentes disponíveis por prescrição médica. Outros analgésicos mais moderados como a codeína (Tilenol Nº 3), hidrocodona (Vicodin, Norco), e propoxifeno (Darvocet) também costumam ser prescritos. Qualquer um desses medicamentos pode causar um resultado positivo para opioides. A maioria dessas medicações continua no corpo por três a sete dias, com a exceção do propoxifeno, que pode ser detectado por várias semanas.

Estimulantes

Os medicamentos estimulantes usados para perda de peso ou para tratamento do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) podem causar resultados positivos em um teste para anfetaminas. O adderal é um dos agentes usados com mais frequência para o tratamento da TDAH. Ele é um sal misturado de anfetamina que continua na urina por vários dias até uma semana. A fentermina (Fastin, ionamin), usada como supressor de apetite, também pode ser detectada por vários dias. O metilfenidato (Ritalina, Concerta) geralmente não causa resultados positivos, pois não está intimamente relacionado com a anfetamina.

Dronabinol

Um dos compostos químicos mais comuns testados na urina é a marijuana e seu componente ativo, o tetraidrocanabinol (THC). Uma forma sintética do THC está disponível por receita médica para o tratamento de náuseas e anorexia relacionadas a tratamentos de câncer e HIV. Apesar de seu uso médico ser relativamente raro, a substância controlada dronabinol (Marinol) pode causar um resultado positivo em um teste de urina por até um mês após o uso.

Agentes antiansiedade

Os medicamentos contra ansiedade e outros usados para tratar insônia não são comumente incluídos nos testes comuns, porém, algumas empresas podem escolher um teste para sete drogas, incluindo assim os benzodiazepínicos e barbitúricos. Os benzodiazepínicos são usados para tratar ansiedade, insônia e alguns problemas com convulsões. Os benzodiazepínicos comumente usados, como o diazepam (Valium), alprazolam (Xanax) e lorazepam (Ativan) podem ser detectados na urina por até um mês, dependendo do tipo. Os barbitúricos são usados para tratar dores de cabeça, convulsões e insônia, mas não são comumente usados como eram antigamente. Os barbitúricos geralmente podem ser detectados em um teste específico de urina por várias semanas.

Prevenção de problemas

Se for sabido que uma pessoa está tomando um medicamente com receita que causará um resultado positivo em um teste de urina, a receita deve ser fornecida para o empregador e para a empresa que faz o teste. Trazer o recipiente da droga prescrita, uma autorização do médico que prescreveu o medicamento ou outra prova de autorização provavelmente eliminará qualquer consequência negativa de receber um teste positivo. Caso uma pessoa esteja empregada em ocupações de alto risco, os medicamentos que podem alterar seu desempenho podem ser proibidos, mas na maioria dos casos serão aceitos se uma autorização for apresentada.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível