Remédios que reduzem o triglicérides

Escrito por michelle furlong | Traduzido por julio vizo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Remédios que reduzem o triglicérides
Quando uma dieta e exercícios não reduzem os níveis de triglicérides, a medicação pode ajudar (Visage/Stockbyte/Getty Images)

Os triglicerídeos são o principal tipo de gordura no sangue. Eles também são a principal fonte de energia para o corpo. As calorias que são consumidas, são utilizadas imediatamente por diferentes partes do corpo ou transformadas em triglicérides. Um nível normal deles é saudável, mas níveis elevados podem causar colesterol alto e problemas cardíacos. Quando uma dieta e exercícios não reduzem esses níveis, a medicação pode ajudar.

Outras pessoas estão lendo

Resinas

O fígado utiliza o colesterol para produzir a bile, que auxilia na digestão. As resinas são um tipo de bile-ácida. Elas conectam-se à bile de modo que não possam ser usadas na digestão ou reabsorvidas pelo corpo. Assim, essa combinação sai do corpo pelas fezes. Como resultado, o fígado produz mais bile, a fim de continuar o processo digestivo. Uma vez que o fígado tenha usado mais colesterol para produzir a bile, a resina terá o efeito de diminuir a quantidade de colesterol na corrente sanguínea.

Estatina

Existem dois tipos principais de colesterol: o "bom", que é o HDL (lipoproteínas de alta densidade), e o "mau", que é o LDL (lipoproteínas de baixa densidade), ambas produzidas no corpo através da enzima hepática HMG-CoA redutase ou ingerida na forma de certos alimentos. As estatinas inibem a enzima, o que diminui a quantidade de colesterol que o fígado produz. Elas reduzem o colesterol LDL e triglicérides, aumentando o HDL. No entanto, a redução do LDL é geralmente melhor do que o aumento nos níveis de HDL.

Fibrato

Ao contrário de estatinas, os fibratos não são muito eficazes na redução dos níveis de LDL, mas são eficazes para aumentar os níveis de HDL e diminuir os de triglicérides. Lipoproteínas de muito baixa densidade (VLDL) transportam o triglicerídes através da corrente sanguínea. Os fibratos reduzem a quantidade de VLDL criada pelo fígado e ajudam as enzimas a decomporem os triglicérides que estão presentes no sangue. Eles aumentam a taxa a qual o corpo expele triglicérides.

Niacina

A niacina é uma vitamina B que pode reduzir significativamente os níveis de LDL e aumentar os de HDL. Ela bloqueia a produção de VLDL, impede o fígado de transformar açúcar em triglicérides e reduz a quebra de gorduras, ou seja, há menos gorduras para o fígado usar para criar triglicérides. Uma vez que a niacina aumenta os níveis de HDL, ele funcionará recolhendo o LDL e transportando-o para o fígado e, em seguida, descartando-o.

Ezetimiba

A ezetimiba não é uma droga que é utilizada tanto quanto as outras porque, de acordo com algumas pesquisas, ela pode levar a aterosclerose, em que a gordura fixa-se nas paredes arteriais e pode bloqueá-las. Às vezes, é usada como um último recurso, porque é muito eficaz na redução dos níveis de LDL. A ezetimiba reduz a quantidade de colesterol que o estômago pode absorver.

Considerações

Há riscos e benefícios para cada droga que promete reduzir os triglicérides. Um médico pode ajudar a determinar qual medicação será a mais benéfica para um indivíduo específico. Discuta quaisquer condições pré-existentes com um médico para que ele possa tomar a decisão correta.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível