Mais
×

Quem eram os saltimbancos da Idade Média?

O saltimbanco medieval eram atores amadores que apresentavam-se em peças realizadas em diversas aldeias durante as épocas da colheita e do Natal. A tradição começou nos tempos antigos e continua até hoje, sendo celebrada em eventos anuais como a Parada dos Saltimbancos da Filadélfia

Os saltimbancos medievais apresentavam-se em fortes e vilas da Europa (medieval fortress image by Vladislav Gajic from Fotolia.com)

História

A tradição dos saltimbancos e suas apresentações vêm de longa data, sendo encontradas em antigas civilizações no Egito, na Grécia e em Roma. O trabalho desses atores espalhou-se por toda a Europa, e no século 15 esses mascarados já cobriam todo o território da Inglaterra. As raízes informais desses espetáculos deram origem a caravanas de atores - palhaços, malabaristas, menestréis e ajudantes - que apresentavam-se em feiras, festas e outros eventos para ganhar a vida.

Tipos de peças apresentadas pelos saltimbancos

Nos primeiros anos, as peças dos saltimbancos retratavam os antigos rituais de fertilidade. Mais tarde, encenações de lendas como "São Jorge e o Dragão" tornaram-se popular. Com a avanço do cristianismo, as histórias bíblicas também foram adaptadas às peças.

Função

Além de proporcionar opções de entretenimento para os camponeses e para a nobreza, os saltimbancos ajudaram a espalhar e modificar a cultura local através da divulgação de novas idéias e crenças. As apresentações dos saltimbancos foram especialmente eficazes em espalhar a fé cristã no continente europeu.

Fatos curiosos

Os saltimbancos medievais eram sempre homens; os papeis femininos eram interpretados por jovens cujas vozes não tinham sido alterada profundamente e que eram bem barbeados, ou mesmo por aqueles que ainda não tinham barba.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article