Sinais e sintomas de alergias ao trigo e grãos integrais

Escrito por rosita tanza | Traduzido por joão melo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sinais e sintomas de alergias ao trigo e grãos integrais
Sinais e sintomas de alergias ao trigo e grãos integrais (John Foxx/Stockbyte/Getty Images)

Alergias ao trigo e a grãos integrais referem-se especificamente a uma reação grave e súbita a componentes proteicos específicos do trigo e de outros cereais integrais. Esses elementos incluem a albumina, a gliadina, a globulina e a glutenina (glúten). Trata-se de uma resposta autoimune do corpo a esses compostos. As reações alérgicas podem ser causadas pela ingestão de alimentos que contenham trigo ou grãos integrais, ou pela inalação de farinha que também contenha os elementos.

Outras pessoas estão lendo

Sinais e sintomas

Os sintomas que geralmente aparecem dentro de alguns minutos depois de consumir ou inalar produtos que contenham trigo ou outros grãos integrais são asma, tosse, dificuldades respiratórias, espirros, olhos lacrimejantes, prurido, gases, náuseas ou vômitos em jato em certas pessoas. Algumas respostas podem ser fatais.

Um sintoma alérgico clássico (ou resposta anafilática ) é o nariz inchado. As histaminas fazem com que as células dos tecidos internos retenham líquidos. O nariz pode ficar edemaciado, mas isso não é grave. A resposta anafilática é grave, no entanto, quando ocorre em tecidos da boca, da língua e da garganta . Eles tornam-se tão hipersensíveis que ficam inchados rapidamente e acabam obstruindo a respiração. Os doentes sentem falta de ar, possivelmente sufocando e morrendo se não receberem tratamento de emergência.

No entanto, a alergia alimentar é considerada rara, com uma estimativa de menos de 1% das pessoas que sofrem com alergias alimentares verdadeiras. Os sintomas da alergia alimentar tendem a ser mais visíveis do que os de intolerância, sendo muito mais fácil diagnosticá-los .

Diagnóstico

Não é o suficiente somente verificar os sintomas para saber com certeza se uma pessoa está tendo uma reação alérgica ao trigo e grãos integrais ou se é apenas uma intolerância a eles. Deve-se ir ao médico. Ele utilizará métodos de detecção para diagnosticar a alergia a esses alimentos, tais como avaliações clínicas do histórico familiar, da história médica e alimentar. Os médicos também prescrevem testes de laboratório, tais como o RAST (teste radioalergosorbente), um exame de sangue usado para ver a que substâncias o indivíduo é alérgico. Além disso, um teste cutâneo também pode ser realizado, no qual algumas gotas de um alérgeno específico purificado é injetado suavemente sob a superfície da pele para identificar a existência de uma alergia. O método mais confiável para diagnosticar alergias a grãos integrais é o teste de eliminação, em que o médico remove alimentos específicos ou ingredientes que possam estar causando os sintomas da dieta do paciente.

Tratamento

Como dietas de eliminação do trigo e de outros grãos integrais são difíceis para o paciente e sua família manterem, o tratamento deve ser supervisionado por um nutricionista, que irá passar receitas sem trigo e garantir que o indivíduo tenha uma dieta nutricionalmente adequada. Pacientes alérgicos a trigo com sensibilidade ao glúten (ou gliadina) também devem evitar cereais como aveia, centeio e cevada, que contêm glúten.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível