Sintomas de movimentos intestinais por apendicite

Escrito por sky martin | Traduzido por fellipe jardim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sintomas de movimentos intestinais por apendicite
A apendicite é a inflamação do apêndice (http://www.dicts.info/img/ud/appendix.png)

A apendicite pode atacar a qualquer momento, sem quaisquer sintomas de alerta. A apendicite aguda é uma das razões pelas quais os pacientes correm para a sala de emergência com queixa de dor abdominal grave. Ela afeta a todos de forma diferente. Alguns podem ter um ataque sem quaisquer sintomas, enquanto outros podem não ser capazes de sair da cama em virtude da dor e mal-estar. Vamos dar uma olhada neste órgão e a condição que leva à cirurgia.

Outras pessoas estão lendo

O apêndice

O apêndice não tem uma função conhecida além de sua tendência em causar problemas. Trata-se de um tubo estreito de cerca de 7 a 10 cm de comprimento que se projeta da parte frontal do intestino grosso. A apendicite é a inflamação do apêndice. Suas causas são incertas, mas acredita-se que seja causada por um bloqueio por material fecal ou outro material estranho. Independentemente da causa, o resultado é o mesmo; as bactérias multiplicam-se e causam infecção do apêndice.

Sintomas de apendicite

Os sintomas de apendicite podem não ocorrer em todos os pacientes. Alguns podem ter apenas uma combinação destes sintomas. Um sintoma clássico de apendicite é uma dor súbita e vaga em torno da área umbilical. A dor, então, desloca-se lentamente para a parte inferior direita do abdômen em direção ao quadril no prazo de 24 horas. Os sintomas clássicos incluem náuseas, febre e vômitos frequentes. O paciente pode ter falta de apetite. A dor pode ser intensa e aguda dentro de algumas horas. Movimentar-se, tal como sentar ou caminhar, pode piorar a dor. A apendicite afeta os movimentos intestinais. O esforço pela prisão de ventre pode ser doloroso e desconfortável porque impõe pressão na região abdominal. O paciente também pode ter prisão de ventre e diarreia.

Diagnósticos errados comuns

Os primeiros sintomas de apendicite podem imitar outras condições, tal como gastroenterite. A análise de sangue da contagem de glóbulos brancos muitas vezes é feita para examinar as células sanguíneas brancas. Os pacientes que têm apendicite poderão ter um nível elevado de glóbulos brancos, no entanto, é importante notar que níveis normais podem ocorrer em um indivíduo que tem a condição. Estes são os pacientes que são frequentemente mal diagnosticados. Não há um exame de sangue exato que possa fornecer a confirmação desse problema. Infelizmente, não é incomum que um paciente que está sofrendo de apendicite seja enviado para casa com diagnóstico de problema estomacal ou um cisto no ovário.

Testes

Após uma análise de sangue das células sanguíneas brancas ter sido feita, o médico pode pedir mais exames para confirmar o diagnóstico. Uma tomografia computadorizada (TC) do abdômen e pelve é feita. Um exame de raios X do abdômen pode ser solicitado para excluir outras condições comuns, tal como a prisão de ventre, as quais poderiam estar causando a dor abdominal. Exames de ultrassom do abdômen e da pelve podem ser solicitados para verificar possíveis cistos ovarianos que poderiam ocasionar o problema. O apêndice muitas vezes não pode ser visto em um ultrassom.

Tratamento e complicações

Uma vez que a apendicite é diagnosticada, o paciente precisa fazer uma cirurgia para remoção do apêndice imediatamente. Sem tratamento, ele pode romper e causar uma infecção potencialmente fatal denominada peritonite. Esta condição é uma infecção do peritônio, o qual é uma membrana transparente que cobre os órgãos da cavidade abdominal. A ruptura do apêndice pode causar infecção nos ovários e trompas de Falópio, podendo levar à infertilidade. A septicemia, uma infecção fatal da circulação sanguínea, também pode ocorrer.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível