Sintomas e particularidades dos cravos

Escrito por katherine marko | Traduzido por larissa franzin tavares dos santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sintomas e particularidades dos cravos
A máscara facial de argila pode ajudar a clarear os sintomas causados pelos cravos e aliviar o estado inflamatório. (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

O aparecimento de manchas escuras no rosto, pescoço, peito e costas pode ser um sintoma causado pelos cravos. Embora esse sintoma não coloque sua vida em risco, ele pode causar baixa autoestima e sintomas mais graves de depressão. Os cravos podem causar a acne, que é uma doença inflamatória da pele. Se não tratados, também podem causar a dilatação dos poros.

Manchas escuras

Manchas escuras no rosto, ombros, peito ou nas costas podem ser sintomas causados pelos cravos. Os cravos, também conhecidos como comedões abertos, desenvolvem-se quando as secreções oleosas e as células mortas da pele bloqueiam os poros e folículos pilosos. Quando os comedões aparecem na superfície, eles se achatam e escurecem com a oxidação natural. Os cravos recebem esse nome devido aos pontos escuros que formam no interior dos poros e folículos pilosos.

Baixa autoestima e depressão

A baixa autoestima e a depressão também podem ser sintomas causados pelos cravos. De acordo com a Academia Americana de Dermatologia (AAD), muitas das pessoas que sofrem de acne, uma doença inflamatória da pele causada pelo aparecimento dos cravos, muitas vezes apresentam sintomas de baixa autoestima e depressão. Algumas dessas pessoas podem optar por faltar à escola, ao trabalho ou a passeios, devido à baixa autoestima de que sofrem. Ocasionalmente, a baixa autoestima pode se transformar em depressão e afetar uma pessoa ao ponto de ela pensar em suicídio. A AAD afirma que alguns estudos indicam que os adolescentes com acne grave muitas vezes consideram cometer suicídio. Para aumentar a autoestima, deve-se consultar um dermatologista para ajudar no alívio dos cravos e do aparecimento da acne ou cicatrizes.

Acne

A acne é um estado que se desenvolve quando bactérias se misturam às secreções oleosas e às células mortas da pele. De acordo com o Maryland Medical Center, a acne é um estado inflamatório da pele causado pelos cravos. Os poros e folículos pilosos podem ficar entupidos e inflamados em virtude de uma produção excessiva de óleo e células mortas da pele. A acne não é uma condição grave. No entanto, os tratamentos dermatológicos podem evitar as cicatrizes deixadas pelas espinhas e cistos. A acne pode se desenvolver a partir dos cravos encontrados em áreas como nariz, testa, bochechas, queixo e costas.

Poros dilatados

Os poros dilatados também são consequências dos cravos. Os poros desempenham um papel essencial na disponibilização de óleo, o que é essencial para uma pele saudável, pois ajuda a manter a pele macia e hidratada. No entanto, quando os poros ficam dilatados, infeccionados e entupidos com óleo, tornam-se visivelmente maiores pelas manchas escuras que se formam dentro deles. Talvez seja impossível diminuir os poros dilatados, no entanto, é possível torná-los menos perceptíveis através do clareamento dos cravos com sabonete, água e uma suave esfoliação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível